Mais de uma centena de pessoas participaram na 13ª edição da “Subida do Coina”, um passeio pelos valores ambientais do rio.

 

Bruno Vitorino, vereador da Sustentabilidade Ambiental e Eficiência Energética, pelouro responsável por esta iniciativa, sublinha que o Barreiro tem que ser um concelho que possa ser usufruído pelos seus habitantes, sendo o Rio Coina um dos espaços mais emblemáticos.

 

“Temos que de dar a conhecer o nosso património natural. Só conhecendo e gostando podemos dar o passo seguinte, que é preservar e proteger o nosso território”, acrescenta.

 

O vereador lembrou que os valores naturais existente no Sapal do Coina e na Mata da Machada, levaram a Câmara a classificar aquela zona como Reserva Natural Local.

 

Bruno Vitorino garantiu ainda que a falta de um pontão de acesso ao rio, na zona do terminal fluvial, é um problema que não está esquecido.

 

“Vamos ter que resolver esta situação. Vai ter que ser resolvido. Temos de ter mais condições para a prática do remo”, adianta.

 

Passados 13 anos, já participaram nesta iniciativa milhares de pessoas e centenas de embarcações, mostrando que a Subida do Coina já faz parte da agenda dos barreirenses.

 

 

Partilhe esta notícia