Palmela é uma das 49 pré-finalistas do Projeto 7 Maravilhas à Mesa 2018, o concurso que promove as regiões e o mundo rural, através da gastronomia e dos vinhos, fomentando o turismo e as experiências no território. A Mesa de Palmela vai estar representada na Gala eliminatória que decorrerá no dia 5 de agoato, em Viseu, com transmissão em direto pela RTP. Os portugueses vão poder eleger as suas “Mesas” preferidas através de uma linha telefónica de votação.

Recorde-se que a Mesa de Palmela é composta pelas sete categorias obrigatórias a concurso: Sopa Caramela, na categoria de sopas; Queijo de Azeitão, na categoria de queijos; Vinho Tinto DO, na categoria vinhos e azeites; Moscatel Roxo, na categoria vinhos de exceção; a aldeia vinhateira de Fernando Pó, na categoria territórios vinhateiros; o Castelo de Palmela, Centro Histórico e Parque Natural da Arrábida, na categoria património histórico, cultural e natural e a Casa Mãe da Rota Vinhos da Península de Setúbal, na categoria adegas, lagares e queijarias.

A madrinha da candidatura de Palmela é  Leonor Freitas (Casa Ermelinda Freitas), que se associou a este projeto desde o início  e que acompanhará os próximos programas televisivos de promoção da candidatura, de acordo com o regulamento.

Os patrimónios a concurso, darão a conhecer as potencialidades do território de Palmela, onde a Gastronomia e Vinhos se apresentam como um elemento primordial duma riqueza incomparável.

Partilhe esta notícia