Os estabelecimentos de pré-escolar e 1º ciclo da rede pública têm-se mantido abertos, todos os dias úteis, entre as 12h00 e as 13h00, para entrega de almoços e lanches, em regime de takeaway, aos alunos dos escalões A e B da Ação Social Escolar (ASE). As famílias destes alunos podem solicitar junto das suas escolas o acesso a estas refeições.

“Apesar desta interrupção inesperada das aulas, nenhuma criança com ASE a frequentar as escolas da responsabilidade do município deixará de ter acesso às refeições normalmente disponíveis na escola”, explicou a Vereadora da Câmara Municipal do Barreiro, Sara Ferreira, responsável pelas áreas da Educação, Intervenção Social, Igualdade, Saúde e Habitação.

Este é um apoio financiado pelo Ministério da Educação e pelo município do Barreiro que não representa qualquer encargo para as famílias destes escalões da ASE.
Recorde-se-que, no âmbito do Decreto nº 3-C/2021 de 22 de janeiro, as escolas suspenderam as atividades letivas e não letivas a partir do dia 22 de janeiro, devendo, no entanto, garantir o fornecimento de apoio alimentar a alunos beneficiários de ASE.

CMB