O Auditório Municipal de Alcácer do Sal registou casa cheia no âmbito do I Colóquio sobre o Futuro da Agricultura, que se realizou no passado dia 24 de junho.

Promovido pela Associação de Agricultores de Alcácer do Sal, o evento contou com a participação de Vítor Proença, presidente da Câmara Municipal de Alcácer, que na sua intervenção sublinhou a importância do sector agrícola para o desenvolvimento do concelho. A sessão, que teve ainda a participação da Confederação dos Agricultores de Portugal, da Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Alcácer do Sal e Montemor-o-Novo e da própria ADL, teve como tema central a Política Agrícola Comum 2014-2020.

Ao longo do dia foram vários os intervenientes que destacaram a mudança do panorama na agricultura em Portugal, começando agora a existir um incentivo aos agricultores para que aumentem as suas produções e a reunirem-se condições para a agricultura vir a ser o grande impulsionador da retoma económica, não só de Portugal, mas também da União Europeia. No concelho de Alcácer do Sal destacam-se as produções de arroz e de pinhão, que se perspetiva que possam vir a beneficiar do facto de serem classificados como tendo origem protegida ou sendo produzidos em indicações geográficas protegidas.

No âmbito dos serviços que presta aos agricultores seus associados, a Associação de Agricultores de Alcácer celebrou protocolos de colaboração com a CERTIS, Silvi-Sul e Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Alcácer do Sal e Montemor-o-Novo, que assim se tornaram seus parceiros. Na sequência da instituição destas colaborações, passarão a ser prestados novos serviços aos associados. A celebração do protocolo com a CERTIS tem em vista o crescimento, no Concelho, da implementação das medidas agroambientais, tais como produção integrada e/ou produção biológica, e a certificação de produtos agrícolas. O protocolo celebrado com a Silvi-Sul permitirá um acesso mais rápido e mais eficiente à elaboração/ execução/ conclusão de projetos de investimento agro-florestais e de projetos agrícolas e, por fim, o protocolo celebrado com a Caixa de Crédito Agrícola Mútuo estabelece condições preferenciais de financiamento aos associados.

 

 

Fonte: CMAlcácer do Sal

Partilhe esta notícia