O galardão foi entregue pelo Secretário de Estado da Energia e da Transição Energética

A Direção-Geral de Energia e Geologia, com o apoio da Ordem dos Engenheiros, realizou no passado mês de dezembro de 2018, na Sede da Ordem dos Engenheiros, em Lisboa, o evento “Eficiência Energética: o caminho para uma Indústria mais Competitiva”, no qual a Amarsul foi reconhecida com a entrega pelo Secretário de Estado da Energia e da Transição Energética João Galamba, de um prémio pelos resultados obtidos na redução do consumo específico de energia, no âmbito no SGCIE – Sistema de Gestão dos Consumos Intensivos de Energia.

O SGCIE aplica-se a um conjunto de empresas e instalações com vista ao aumento da sua eficiência energética tendo em atenção a necessidade de salvaguardar a respetiva base competitiva no quadro da economia global.

A instalação no Ecoparque de Palmela ganha especial visibilidade com a adoção de boas práticas ao ultrapassar as metas previstas para todos os indicadores de desempenho energético, concretizando uma redução superior a 200% face às metas legais do plano de racionalização dos consumos de energia (PREN), com a recuperação de biogás para produção de energia elétrica e através da instalação de sistema solar térmico para produção de AQS (Águas Quentes Sanitárias). As poupanças resultantes desta medida, através da produção de energia elétrica com recurso endógeno, contribuíram significativamente para o cumprimento das metas de desempenho energético.

Com este galardão da Direção-Geral de Energia e Geologia, a Amarsul vê reconhecido o seu trabalho contínuo, estando a contribuir de forma significativa para as metas nacionais, em prol dum melhor ambiente, não apenas através da sua atividade no tratamento de resíduos municipais e de recolha seletiva de resíduos recicláveis, mas também na gestão dos recursos energéticos.

Fonte:Amarsul

Partilhe esta notícia