Entre os 22 doces a concurso, o intitulado “Amor Salgado”, produzido por Cegas Tradições, foi o vencedor do Prémio Absoluto do Concurso de Doçaria de Palmela, realizado no dia 10 de novembro, na Casa Mãe da Rota dos Vinhos, numa iniciativa da Câmara Municipal de Palmela e da Confraria Gastronómica de Palmela, com o apoio da Rota de Vinhos da Península de Setúbal e da Junta de Freguesia de Palmela,  no âmbito do programa “Palmela, Experiências com Sabor!”.

Por categoria, o 1.º lugar foi atribuído ao Doce de Pera e Moscatel, de Ana Lúcia Ferreira (Doce de Colher), ao Bolo da Avó, de Maria da Luz Silva (Doce de Fatia) e à Fogacinha, da Biscoitos e Companhia (Doce Seco ou Biscoito). Foi, ainda, atribuída uma Menção Honrosa aos Bombons de Moscatel da Confeitaria S. Julião.

Na entrega de prémios, o Vereador Luís Miguel Calha sublinhou o grande número de iniciativas a acontecer em Palmela durante o fim de semana, na área da gastronomia e vinhos, como o Festival do Moscatel e as comemorações do Dia Europeu do Enoturismo, e recordou os objetivos que levaram à criação do programa “Palmela, Experiências com Sabor!” – preservar a gastronomia e os saberes tradicionais, valorizar os produtos endógenos e estimular a inovação. As iniciativas ligadas à gastronomia e ao enoturismo têm sido fulcrais no aumento exponencial da atratividade do concelho que, afirmou, «está na moda».

O júri, presidido pelo Chef Gilberto Costa, da Escola Superior de Hotelaria e Turismo do Estoril, contou, também, com a participação de Manuel Rasteiro, da Entidade Regional de Turismo da Região de Lisboa, da Confreira Lívia Marques, da Confraria Gastronómica de Palmela, de Paula Magalhães, da Câmara Municipal de Palmela, e de Jorge Mares, Presidente da Junta de Freguesia de Palmela.

 

Fonte:CMPalmela

Partilhe esta notícia