A Biblioteca Municipal de Alcácer do Sal acolhe até ao dia 13, a 19.ª edição da Feira do Livro. O certame com várias opções literárias, alguns com desconto, conta com a presença de autores de renome e apontamentos musicais. A inauguração da feira ocorreu no dia 4 (sexta-feira), com a presença do Presidente da Câmara Municipal de Alcácer, Vítor Proença e a animação musical com Mendes Caffé Duo.

No dia 5 (sábado), o destaque da Feira do Livro foi para a Roda de Contos com a presença do contador de histórias montemorense Carlos Marques e diversos contadores locais. No domingo (dia 6) foi a vez da professora natural de Alcácer do Sal, Conceição Marmeleira, apresentar o seu livro infantil “O baile das vogais”, seguida de animação musical com Susana Pedro. A 19.ª edição da Feira do Livro funciona de segunda a quinta-feira das 10h00 às 12h30 e das 14h30 às 19h00. Sexta, sábado e domingo, o horário é de acordo com programa de atividades. Sexta-feira, dia 11 de dezembro, vai estar em Alcácer do Sal, às 18h00, a jornalista da CMTV, Andreia Vale, a apresentar o livro “Puxar a brasa à nossa sardinha”. Andreia Vale, jornalista, é uma apaixonada por expressões idiomáticas, aquelas que nos saltam da boca sem sabermos como. Quem as disse pela primeira vez? Porque começaram a ser usadas? Como sobreviveram até aos nossos dias? Que história escondem?

No sábado, dia 12 de dezembro, a Feira do Livro de Alcácer do Sal conta com a presença de duas autoras. Às 15h00 vai ser apresentado o livro “Os cavaleiros de Santiago em Alcácer do Sal”, de Maria Teresa Lopes Pereira. Licenciada em História pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa (1975) e Mestre em História Medieval pela Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa (1998), Maria Teresa, tem empreendido trabalhos de investigação no âmbito da História Medieval e do início da Idade Moderna, de que resultou um conjunto significativo de artigos publicados em revistas, jornais e atas de congressos centrados nas temáticas das Festas, das Sociabilidades e do Quotidiano, da Ordem Militar de Santiago da Espada e da História de Alcácer do Sal. O livro “Os Cavaleiros de Santiago em Alcácer do Sal”, tem prefácio do conceituado historiador José Mattoso.

Ainda no sábado, mas às 21h00, é a vez de Catarina Beato apresentar o livro “Provo-te”.

Sobre o livro que vai apresentar em Alcácer do Sal, a autora do blog “Dias de uma Princesa” e do livro “Dieta das Princesas” fala sobre 12 cidades, 12 receitas e 12 histórias de amor em Provo-te – Quantas Vezes Posso Morrer de Amor?.

A Feira do Livro encerra no domingo, dia 13 de dezembro, às 15h00 com a presença de Catarina Furtado que vai apresentar o seu livro “O que vejo e não esqueço”.

Um livro inspirador que nos envolve na importância da solidariedade e nos convoca para o mundo do voluntariado. Catarina Furtado, em 1999, foi nomeada Embaixadora de Boa Vontade do Fundo das Nações Unidas para a População (UNFPA). Em 2005 foi condecorada Comendadora pela Ordem de Mérito pelo então Presidente Jorge Sampaio. Em 2010, foi considerada Campeã dos Objetivos do Milénio (ODM) pela ONU. Em 2012, fundou a Corações com Coroa, uma associação sem fins lucrativos e organização não governamental para o desenvolvimento (ONGD) destinada a combater a desigualdade de oportunidades (www.coracoescomcoroa.org).

Partilhe esta notícia