Esta sexta-feira, dia 6, às 18h, será inaugurada no Auditório Municipal Augusto Cabrita, no Barreiro, a exposição intitulada “Amadeo de Souza-Cardoso – Álbum XX Dessins”, executada pelos alunos do 12.º D da Escola Secundária de Casquilhos.

A mostra, que estará patente até ao dia 8 de março, pretende estimular entre os alunos o estudo das caraterísticas formais, plásticas e estéticas da obra de Amadeo, mostrar as inesgotáveis potencialidades dos trabalhos elaborados pelos estudantes, bem como relançar uma leitura crítica sobre um dos trabalhos mais inovadores da arte moderna portuguesa.

Biografia:

Amadeo de Souza-Cardoso é reconhecido como um dos mais criativos e inovadores artistas portugueses do século XX.

Apesar da sua curta carreira (morreu prematuramente aos 30 anos), a sua obra é caracterizada por um arrojado pioneirismo e por uma profícua pesquisa plástica que percorreu as vanguardas artísticas do início do século XX, do fauvismo ao futurismo, passando pelo expressionismo, pelo cubismo e pelo abstracionismo.

Em 1912, Amadeo Souza-Cardoso publica, em Paris, o Álbum XX Dessins, um caderno com um conjunto de 20 desenhos executados a tinta-da-china.

A obra obtém um bom acolhimento no meio artístico parisiense e recebe rasgados elogios na imprensa francesa e portuguesa.

Os desenhos, que percorrem temáticas muito diversificadas, constituem um dos mais notáveis exercícios de estilo de um jovem artista, não deixando de refletir uma forte influência das vanguardas artísticas do princípio do século XX (expressionismo, cubismo, futurismo), bem como da arte africana.