Os autarcas do PSD do concelho do Montijo entendem como “absolutamente necessário” agendar, já na próxima semana, uma reunião com todo executivo para se alcançar um acordo sobre o orçamento do próximo ano, já que a proposta apresentada pelo PS foi chumbada há poucos dias.

Os social-democratas lamentam que esta acção tenha que partir da oposição, pois deveria ser o presidente da Câmara “o primeiro a tentar procurar consensos para que o orçamento seja aprovado”.

“O presidente da autarquia não pode continuar a menosprezar os vereadores da oposição, porque inclusive não tem maioria absoluta. No entanto, esta é uma prática que não nos surpreende, pois quando se desconsidera os próprios vereadores da mesma força política nada mais há a dizer”, acusam.

Os autarcas do PSD lamentam ainda que a CDU “não contribua para o tão desejado acordo e que condicione a sua posição de acordo com as orientações dos órgãos nacionais do PCP,  distantes dos legítimos interesses dos montijenses”.

“O PSD está, como sempre esteve, disponível para o diálogo e para o alcançar de uma solução orçamental que sirva os montijenses e não apenas uma pequena oligarquia que se julga dona do Montijo e das suas gentes”, concluem.

Partilhe esta notícia