A exposição “O Mundo da Energia – sabias que?” chega segunda-feira, dia 28 de março, a Setúbal, no âmbito do roadshow que está a fazer por Portugal e que teve início em Braga a 15 de fevereiro. À semelhança do que aconteceu em Espanha nos últimos três anos, o autocarro da Fundação Repsol, uma aula móvel sobre energias com conteúdos didáticos interativos em português, vai visitar várias capitais de distrito pelo país até finais de abril. Até agora, já recebeu mais de 4 mil visitas nas cidades por onde passou.

Destinada sobretudo a alunos do ensino básico do segundo e terceiro ciclos mas também a todos os interessados por energias, esta iniciativa da Fundação consiste numa campanha de sensibilização educativa cujos objetivos principais são difundir os processos da cadeia de valores da energia, esclarecer alguns mitos e curiosidades sobre o petróleo e incentivar hábitos responsáveis na utilização energética. A “Aula Móvel” pretende também familiarizar os jovens com o mundo da energia e fomentar o interesse pela ciência e investigação nesta área.

Lá dentro, crianças e jovens vão poder encontrar vários conteúdos interativos que lhes vão mostrar a importância da energia na nossa vida, os grandes desafios em termos de sustentabilidade das várias fontes energéticas e também todos os processos de pesquisa, produção e distribuição dos produtos derivados do petróleo.

Em Setúbal, o autocarro da Fundação vai estar estacionado no Largo José Afonso, junto à avenida Luísa Todi entre os dias 28 de março e 1 de abril.

Escolas, instituições e outros interessados estão convidados a marcar visita ao autocarro entre as 9:00 e as 18:00 horas. As visitas escolares durarão cerca de 50 minutos por turma e as das famílias e adultos terão a duração de cerca de meia hora.

A iniciativa tem tido uma grande adesão junto do público português. Mais de 4 mil jovens e adultos já visitaram o autocarro, o que representa uma média de mais de mil visitantes por semana. Em Espanha teve em 2015 mais de 35.900 visitas em 76 localidades.

Mais informações sobre o projeto disponíveis no site da Fundação Repsol.

Partilhe esta notícia