Autorizado concurso para 57 médicos de família para o distrito de Setúbal – o maior recrutamento de sempre para a região de Lisboa e Vale do Tejo –

É com satisfação que os deputados socialistas eleitos pelo círculo eleitoral de Setúbal tomam conhecimento da publicação do despacho n.º 7888/2017, de 5 de setembro, que autoriza o Ministério da Saúde a desenvolver um procedimento de recrutamento destinado ao preenchimento de até 290 vagas, destinado à área de medicina geral e familiar (MGF).

 

O referido despacho “identifica os serviços e estabelecimentos de saúde e respetivas unidades funcionais como carenciados, na área de medicina geral e familiar, tendo em vista a abertura de procedimento concursal, no sentido de poderem vir a ser constituídas até 290 relações jurídicas de emprego, mediante celebração de contratos de trabalho em funções públicas por tempo indeterminado, por parte de órgão ou serviços abrangidos pelo âmbito de aplicação objetivo da Lei Geral do Trabalho em Funções Públicas, ou contrato individual de trabalho sem termo, no caso dos serviços e estabelecimento de saúde integrados no setor empresarial do Estado.” Desses até 290 médicos estão identificados 57 médicos para as diversas unidades funcionais do distrito de Setúbal, conforme despacho 7810/2017, de 5 de setembro, e que se destaca:

 

Agrupamento de Centros de Saúde Almada/Seixal ………………………………………………………….17

Unidade de Cuidados de Saúde Personalizados Charneca da Caparica …………………………………. 4

Unidade de Cuidados de Saúde Personalizados Santo António do Laranjeiro …………………………2

Unidade de Cuidados de Saúde Personalizados Amora………………………………………………………….. 4

Unidade de Cuidados de Saúde Personalizados Rainha Dona Leonor  ……………………………………. 5

Unidade de Cuidados de Saúde Personalizados Corroios ………………………………………………………..2

 

Agrupamento de Centros de Saúde Arco Ribeirinho …………………………………………………………18

Unidade de Cuidados de Saúde Personalizados Baixa da Banheira ……………………………………….. 5

Unidade de Cuidados de Saúde Personalizados Alcochete……………………………………………………… 1

Unidade de Cuidados de Saúde Personalizados Montijo …………………………………………………………3

Unidade de Cuidados de Saúde Personalizados Barreiro………………………………………………………… 7

Unidade de Cuidados de Saúde Personalizados Moita …………………………………………………………… 2

 

Agrupamento de Centros de Saúde Arrábida ………………………………………………………………… 18

Unidade de Cuidados de Saúde Personalizados Praça da República (Setúbal) …………………….. 6

Unidade de Cuidados de Saúde Personalizados São Sebastião ……………………………………………. 6

Unidade de Cuidados de Saúde Personalizados Azeitão ……………………………………………………… 3

Unidade de Cuidados de Saúde Personalizados Pinhal Novo — Guerra Junqueiro …… …………1

Unidade de Cuidados de Saúde Personalizados Quinta do Conde ……………………………………….. 1

Unidade de Cuidados de Saúde Personalizados Santos Nicolau …………………………………………….1

 

Unidade Local de Saúde do Litoral Alentejano, E. P. E. 5

Unidade de Cuidados de Saúde Personalizados Santiago do Cacém …………………………………… 2

Unidade de Cuidados de Saúde Personalizados Sines …………………………………………………………..2

(Unidade de Cuidados de Saúde Personalizados Odemira…………………………………………….. 1)

 

O Governo esteve bem neste importante passo na área da Saúde. Nunca se assistiu, na região de Lisboa e Vale do Tejo, onde estão incluídos nove dos treze concelhos do distrito de Setúbal a um recrutamento tão expressivo de médicos de família.

 

Estamos satisfeitos por podermos ter contribuído com as nossas intervenções, serenas e responsáveis, sem manipulação de qualquer espécie junto dos utentes e famílias, para que pudéssemos chegar a esta importante decisão que sempre o Governo disse ser necessária e tudo fez para garantir que se tornava possível. Esperemos agora que o nosso distrito seja atrativo para os médicos de família que o Governo pretende recrutar.

 

6 de setembro de 2017

Partilhe esta notícia