Com o objetivo de dotar os estabelecimentos de ensino do município de condições “indispensáveis ao processo educativo”, a autarquia do Barreiro atribuiu, na Reunião Ordinária Pública, de 30 de julho, um subsídio global de 13.575 euros, relativo à segunda tranche do subsídio anual, destinado ao apetrechamento e modernização das instituições letivas.

A verba, no valor de 75€ por turma, será dividida pelos seis agrupamentos do concelho da seguinte forma:

– Agrupamento de Escolas Alfredo da Silva – 900,00 € (novecentos euros);

-Agrupamento de Escolas Augusto Cabrita – 2.025,00 € (dois mil e vinte e cinco euros);

-Agrupamento de Escolas de Álvaro Velho – 2.400,00 € (dois mil e quatrocentos euros);

-Agrupamento de Escolas de Santo António da Charneca – 2.850,00 € (dois mil, oitocentos e cinquenta euros);

-Agrupamento de Escolas do Barreiro – 1.650,00 € (mil seiscentos e cinquenta euros);

-Agrupamento de Escolas dos Casquilhos – 2.175,00 € (dois mil cento e setenta e cinco euros);

-Agrupamento de Escolas Santo André – 1.575,00 € (mil, quinhentos e setenta e cinco euros).

Partilhe esta notícia