Desde este sábado que três dezenas de árvores feitas de material reciclado estão a decorar o Mercado Municipal 1º de Maio, no Barreiro. A exposição das árvores está integrada no concurso “Árvores de Natal Ecológicas” organizado pela autarquia, que pretende sensibilizar a população, particularmente a comunidade escolar, para a importância de reutilizar materiais na criação de novos objetos e reduzir a produção de resíduos.

A Exposição das Árvores de Natal Ecológicas, que estará patente até 6 de janeiro de 2015, alia à vertente ambiental e ecológica a criatividade e a originalidade. E, ao longo do mercado, é possível encontrar árvores feitas de caixas de ovos, capsulas de café, garrafões de água, tecido, crochet, latas de refrigerantes, sacos de plástico e até guarda-chuvas e escadotes. Um exemplo vivo de que a frase de Lavoisier de que na natureza “nada se perde, tudo se transforma” é mais do que um chavão.

Este ano a Escola Secundária de Casquilhos foi a grande vencedora do concurso “Árvores de Natal Ecológicas” que decorre desde 2006. Em segundo lugar e terceiro lugar ficaram, respetivamente, o JI nº1 do Alto do Seixalinho e o Colégio Minerva, e a Menção Honrosa foi para a EB1 nº1 do Lavradio.

O Presidente da CMB agradeceu, durante a cerimónia de entrega dos prémios, a todos quantos contribuem para que este Concurso e demais iniciativas sejam possíveis, bem como aos serviços do Mercado Municipal 1º de Maio pela colaboração que estão sempre dispostos a dar. “Muito obrigado a todos por mais esta iniciativa que dinamiza a vida do Concelho, que faz participar as pessoas, que as envolve e isso para nós é fundamental. É preciso construirmos um Concelho de envolvimento, de participação e de proximidade com as pessoas. Para nós isso é essencial e faz-se de múltiplas maneiras”, sublinhou.

Carlos Humberto de Carvalho reiterou a importância que hoje já assumem as questões ambientais, da sustentabilidade e do equilíbrio, e valorizou o importante património que o Barreiro possui que é a “Mata Nacional da Machada e o Sapal do Rio Coina” que necessita, segundo o Autarca, de uma atenção cada vez maior, até porque, disse, “será com certeza fundamental no desenvolvimento do Concelho e da região”.

Por sua vez, o Vereador Bruno Vitorino agradeceu a participação de todos – membros do júri e entidades participantes – que mais uma vez aderiram este ‘desafio’. “Esta iniciativa tem a particularidade de já ter passado por diversos equipamentos municipais”, referiu, acrescentando que, de há alguns anos a esta parte “assentou aqui no Mercado Municipal 1º de Maio, como forma de aumentar a vida neste espaço”.

Bruno Vitorino salientou a presença de três dezenas de árvores em exposição. Para além de estimular a criatividade de professores e alunos, este Concurso pretende “acima de tudo alertar a população para a necessidade que nós temos, enquanto comunidade, de reciclar. Através da reutilização de materiais nós podemos proteger o nosso meio ambiente, os nossos recursos naturais. Temos todos essa obrigação, a de produzirmos menos resíduos mas aqueles que ainda não conseguimos deixar de produzir, temos a obrigação de os reutilizar”.

Depois da entrega dos prémios, a professora da Escola Secundária de Casquilhos, Maria Marques da Silva, em exclusivo ao Distritonline, assumiu que ficaram “surpreendidos” pelo primeiro prémio. De acordo com a responsável, a árvore criada pelos alunos do Curso Profissional de Design de Moda “no âmbito do programa da disciplina”.

“Tínhamos de abordar o crochet, por isso inspiramo-nos na artista Joana Vasconcelos que divulgou o crochet pelo mundo fora e criámos a nossa árvore”, explicou a professora, reiterando que este desafio proposto pelo município, através do Centro de Educação Ambiental (CEA), é “muito importante”, uma vez que “dá a oportunidade dos alunos mostrarem à comunidade os trabalhos que ficam, na maioria das vezes, escondidos dentro das escolas”.

Participam este ano: Colégio Minerva | Cantinho Alegre da Infância | Nós| Escola Básica nº 2 do Lavradio com JI | Escola Básica da Quinta da Lomba | High School Academy | Frases de Encantar | O Carinho | Os Reguilas | Meninos da Mata | Escola Básica dos Fidalguinhos com JI | RUMO | CERCIMB | Escola Secundária de Casquilhos | Centro Hospitalar Barreiro/Montijo (Serviço de Pediatria) | Amazing Smile | Escola Básica nº 6 do Barreiro | Escola Básica nº 9 do Barreiro | Escola Básica da Penalva | Agrupamento de Escolas Alfredo da Silva | Escola Básica da Quinta Nova da Telha – Jardim de Infância | Escola Básica nº 8 do Barreiro | Jardim de Infância nº 1 do Alto do Seixalinho | Escola Básica nº 1 do Lavradio | Escola Secundária de Santo André | EB 2/3 com secundária de Santo António | Canto Alegre | Parque dos Infantes.

De acordo com o Regulamento, coube ao 1º lugar (Escola Secundária de Casquilhos) um prémio no valor de €500 (quinhentos euros); ao 2º lugar (JI nº1 do Alto do Seixalinho) um prémio no valor de €350 (trezentos e cinquenta euros) e ao 3º lugar (Colégio Minerva) um prémio no valor de €250 (duzentos e cinquenta euros).

Partilhe esta notícia