Vitória de Guimãres 70 GDESSA Barreiro 62

Super Márcia não foi suficiente…. com arbitragem a beneficiar equipa do Minho.

Na primeira meia-final da Final Four da Taça de Portugal feminina, o GDESSA foi eliminado pelo Vitória de Guimarães.

A formação minhota liderou o jogo durante grande parte da partida e em termos parciais não perdeu nenhum dos quartos, mas até ao final as barreirenses estavam na disputa do jogo….até que nos 4 minutos finais, erros graves de arbitragem (que tinha estado em bom plano até ao momento)e o pouco acerto das jogadoras do GDESSA fizeram as vimaranenses se apurarem para a final de amanhã contra o SL Benfica.


No fim do encontro, o treinador Miguel Minhava, ainda dentro do campo, pediu explicações à juíza Joana Pessoa, a árbitro que tomou as ditas decisões erróneas.


Em destaque, a jogadora da Década, Márcia Costa, com 22 pontos e 6 assistências e um lance de inspiração da nortenha Catarina Mateus a sete segundos do soar da buzina, com triplo mais um lance livre.

Na outra meia-final, após um prolongamento, o SL Benfica venceu as açorianas Sportiva por 86-77, com destaque para a ex-jogadora do GDESSA Laura Ferreira, com 24 pontos e 6 assistências.

A final será transmitida amanhã pelas 11 horas no site FPBTV (gratuito), Benfica TV e Bola TV.

claudioanaia@distritonline.pt

Fotos: FPB