No âmbito do programa de gestão participada Reforçar a Democracia, Preparar o Futuro, a Câmara Municipal  da Moita deu já início, no dia 3 de junho, a mais um roteiro temático: o Roteiro Social. Esta iniciativa tem como objetivo central aprofundar o conhecimento, valorizar e acompanhar os resultados das atuais estratégias integradas de atuação, priorizando as que são competência da Rede Social e que resultam da sua intervenção e avaliação constantes, sem, contudo, procurar soluções assistencialistas ou que, de certa forma, promovam ou sequer induzam a transferência de responsabilidades do Governo para as autarquias locais.

Num contexto de grave crise social e económica que se vive no País, a realização deste roteiro enquadra-se ainda na valorização do projeto autárquico do Concelho da Moita, sustentado pelos valores de Abril e suas conquistas.

O Roteiro iniciou-se, assim, com uma visita às atividades da Projeto Universidade Sénior (UNISEM), promovido pela autarquia, em estreita colaboração com um conjunto de entidades (juntas de freguesia, agrupamentos de escolas, associações, instituições) e de voluntários. A UINSEM é um projeto de âmbito regular e descentralizado pelas diferentes freguesias, valorizando espaços municipais e associativos, que organiza um vasto programa para cerca de 400 munícipes, envolvendo 43 turmas e 35 professores voluntários,  em 25 disciplinas de diferente áreas como, por exemplo, a música, o teatro, o inglês, a azulejaria, a pintura, a informática, sem qualquer tipo de custo para os munícipes.

O Presidente da Câmara, Rui Garcia, acompanhado pela vereadora dos assuntos sociais, Vivina Nunes, confirmaram a forte dedicação dos professores /monitores voluntários, tendo reiterado que este projeto municipal não só é para continuar, como para expandir, de acordo com as capacidades de todos os intervenientes neste processo. Além de reunião com a coordenadora da UNISEM, a Professora Célia Figueira, foram visitadas as atividades da azulejaria, inglês e pintura, orientadas pelos professores José Estiveira, Áurea Franco e Porfírio Pires, respetivamente.

 

Fonte: CMMoita

Partilhe esta notícia