O presidente da Câmara Municipal do Montijo, Nuno Canta, marcou presença na cerimónia de entrega simbólica de equipamentos de proteção individual para combate de incêndios em espaços naturais que decorreu no dia 2 de junho, no Salão Nobre do Edifício Mascarenhas (sede da Área Metropolitana de Lisboa – AML).

Foram assim entregues, simbolicamente, os equipamentos operacionais de proteção civil adquiridos pelos municípios da AML e da Península de Setúbal ao abrigo da candidatura ao Programa Operacional Valorização do Território/Quadro de Referência Estratégico Nacional (POVT/QREN) apresentada pela AML, com um investimento total aprovado de 992.795 euros e um financiamento comunitário de 843.876 euros.

A comparticipação do Município do Montijo atingiu o montante de 1 923,32 euros e permitiu a aquisição de equipamentos, como calça e dólmen, botas, cógula, luvas e capacetes, para as duas corporações de bombeiros voluntários do concelho (Montijo e Canha).

Desde o início deste mandato autárquico, que a Câmara Municipal do Montijo fortaleceu o seu apoio aos agentes de proteção civil do concelho, nomeadamente à Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários do Montijo e à Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Canha.

Neste âmbito, após um amplo consenso, foram estabelecidos protocolos que reforçaram as verbas transferidas pela autarquia para as duas corporações, num investimento anual de 156 mil euros.

Para além da transferência anual de verbas, dentro das suas possibilidades, a Câmara Municipal do Montijo assume, em comunicado, que tem procurado contribuir para minimizar as necessidades das duas corporações através do apoio na aquisição de equipamentos imprescindíveis à execução do trabalho diário dos soldados da paz.

Como exemplo desta política, salienta-se a recente atribuição de uma comparticipação financeira no valor de 31 mil euros para a aquisição de um veículo de combate a incêndios florestais para os Bombeiros Voluntários de Canha, aprovada na reunião ordinária do executivo municipal de 27 de maio.

Em julho de 2014, a autarquia já tinha igualmente atribuído um apoio financeiro de 13 mil euros aos Bombeiros Voluntários do Montijo e de 8 mil euros à corporação de Canha para aquisição de ambulâncias.

No quadro das suas competências, a Câmara Municipal do Montijo garante que “vai continuar empenhada no seu papel no dispositivo de proteção civil do concelho, procurando contribuir para o reforço dos seus diversos agentes com meios adequados ao desempenho eficaz das suas funções de segurança, proteção e socorro da comunidade e dos cidadãos”.

Partilhe esta notícia