Os campos de férias na Mata da Machada que se realizam entre julho e setembro, organizados pelo Centro de Educação Ambiental da Câmara Municipal do Barreiro, estão com as vagas praticamente esgotadas, algo que já vem sendo hábito nos últimos anos.

 

Segundo Bruno Vitorino, vereador do pelouro, as inscrições para os campos de férias de julho “esgotaram nos primeiros dias, havendo ainda algumas vagas para agosto e setembro”.

 

“Os campos de férias na Mata da Machada começam a ser uma tradição e já fazem parte dos tempos livres de muitas crianças durante o período de verão”, refere.

 

A educação e a sensibilização para as questões ambientais e para a preservação do meio ambiente são a marca distintiva destes campos de férias, realizados em plena Mata Nacional da  Machada. Com o lema “a brincar também se aprende”, estão programadas iniciativas muitos diversas como jogos sobre o ambiente e biodiversidade e  atividades de controlo de espécies invasoras, mas também atividades radicais, desportivas e lúdicas.

 

Este verão, o campo de férias destinado a crianças entre os 6 e os 12 anos de idade, decorre de 02 de julho a 07 de setembro, enquanto que o campo de férias jovem, para idades entre os 13 e os 15 anos, decorre entre 16 a 27 de julho.

 

“Atualmente podemos afirmar que a Mata da Machada oferece uma vasta programação durante praticamente todo o ano, sempre com o enfoque na preservação ambiental. Cada vez mais, este espaço faz parte da vida do Barreiro e dos barreirenses”, salienta Bruno Vitorino.

Partilhe esta notícia