No dia 24 de outubro, o Centro Cultural de Poceirão vai assinalar duas décadas de existência ao serviço da comunidade, com um momento simbólico que integra a apresentação da criação artística “Memória, Vivência e Sonho” e um apontamento musical com os Monda.

Às 17h30, a artista Ana Nogueira apresentará uma criação trabalhada com elementos da comunidade, com a técnica de assemblagem, que evocará o passado, o presente e o futuro daquele equipamento cultural. Meia hora maistarde, os Monda darão um concerto que integra, também, as comemorações do Dia Mundial da Música, onde os elementos que compõem o grupo – Jorge Roque, Pedro Zagalo e Herlander Medinas – pegam nas raízes mais tradicionais do Cante Alentejano, harmonizando-as com as novas tendências musicais e aproximando-as das sonoridades universais da World Music, numa celebração das suas raízes e do cante alentejano.

Pólo congregador de atividades e potenciador de dinâmicas locais, o Centro Cultural de Poceirão desempenha um importante papel na comunidade onde está inserido, representando, também, duas décadas de ação municipal num território disperso e socialmente frágil, que tem dado os seus frutos, com a criação de novas sinergias, a realização de projetos comunitários e de um trabalho em prol da preservação da identidade local e do património rural. 

            O evento, que assinala o 20.º aniversário do Centro Cultural de Poceirão, celebrado em abril, realiza-se agora, com entrada gratuita, lotação limitada e reservas obrigatórias, face ao contexto de pandemia (reservas – 935321218, dias úteis entre as 10h00 e as 18h30).