O Serviço de Urgência do Centro Hospitalar Barreiro Montijo, EPE- Hospital do Barreiro tem enfrentado dificuldades decorrentes da sobrelotação e de falta de profissionais de saúde, em particular Enfermeiros/as.

Este serviço excede diariamente a sua lotação máxima levando a que os doentes se “amontoem” nos corredores deitados em macas, em condições desumanas. É um cenário inadmissível e terceiro-mundista.

As Equipas de Enfermagem estão á beira da exaustão devido á necessidade diária de três ou mais Enfermeiros/as seguirem turno sem o devido descanso compensatório, com consequências para a saúde dos próprios e também para a segurança dos doentes.

O SEP já solicitou Reunião com o CA para abordar esta questão e vai reunir em plenário com os Enfermeiros no próximo dia 5 (sexta feira) estando “em cima da mesa” a marcação de formas de Luta que obriguem a solucionar este grave problema.

Partilhe esta notícia