A autarquia da Moita, em comunicado, revela que, recentemente, no concelho da Moita, foram incendiados ecopontos na Rua Augusto Gil e na Rua da Liberdade, na Baixa da Banheira. 

Na sequência destes atos de vandalismo – que a autarquia “condena veemente”, sobretudo “por colocarem em risco a segurança de bens e pessoas” – o município informou as autoridades e também a AMARSUL, responsável pela gestão dos ecopontos, para que proceda à recolha dos resíduos queimados e à substituição dos ecopontos.

A Câmara da Moita apela a todos os munícipes para que estejam atentos a estes atos repreensíveis e que os denunciem junto da autarquia ou das autoridades policiais.

Partilhe esta notícia