A Câmara Municipal de Setúbal aprovou ontem, em reunião pública, a atribuição de perto de 20 mil euros para aquisição de material escolar e realização de visitas de estudo.

O montante, no valor de 19.672 euros, referente ao primeiro trimestre do ano letivo 2014-2015, visa apoiar os custos com aquisição de material de desgaste e realização de atividades de ação educativa dos 4918 alunos do 1.º ciclo do ensino básico.

O subsídio é repartido pelos agrupamentos verticais de escolas, cabendo 2948 euros ao de Azeitão, com 737 alunos beneficiados, 3648 ao Barbosa du Bocage, para apoio de 912 crianças, e 3292 ao Sebastião da Gama, para 823 estudantes,

O Agrupamento Vertical de Escolas Lima de Freitas recebe, neste primeiro de três trimestres, 1492 euros, destinados à atividade de 373 alunos, enquanto ao Luísa Todi são concedidos 4764 euros, dirigidos a 1191 estudantes. Ao agrupamento Ordem de Sant’Iago é atribuído um subsídio de 3528 euros, para 882 crianças.

O apoio financeiro da Câmara Municipal de Setúbal, refere a proposta, visa assegurar a “dignificação e a promoção do trabalho educativo” e pugnar pela “elevação da qualidade de ensino e da aprendizagem”.

Partilhe esta notícia