A Câmara Municipal do Montijo aprovou, por unanimidade, na reunião de câmara de 8 de julho, um protocolo de colaboração com a Sociedade Cooperativa União Piscatória Aldegalense (SCUPA) para o apoio na formalização dos projetos e procedimentos inerentes à construção do Cais de Pesca Profissional.

O documento aprovado inclui a atribuição de um apoio financeiro no valor de 113 mil 825 euros, referentes à componente local de financiamento da construção do referido Cais. A Câmara irá prestar, ainda, apoio à SCUPA na fiscalização da execução da empreitada e na isenção das taxas urbanísticas.

O Cais de Pesca Profissional é uma obra da SCUPA, no valor de meio milhão de euros, financiada pelo programa PROMAR – Programa Operacional Pesca 2013-2017.

A obra já se encontra em execução na ponta do muro, a seguir ao Esteiro da Quebrada, a jusante do Cais dos Vapores, e vai disponibilizar um conjunto de infraestruturas que beneficiarão as condições e a operacionalidade da atividade piscatória tradicionalmente desenvolvida no Montijo.

Com esta parceria, a Câmara procura manter a história e a identidade daquele local, preservando e valorizando o património e a cultura piscatória do Montijo, contribuindo, igualmente, para a continuação da reconversão e requalificação da Frente Ribeirinha da cidade.

Partilhe esta notícia