A cabeça-de-lista pelo distrito de Setúbal da Coligação Portugal à Frente, Maria Luís Albuquerque, elogiou ontem o modelo de gestão aplicado pela Faculdade de Ciências e Tecnologia procurando rentabilizar ao máximo os vários departamentos.

Em visita àquela que é a maior unidade técnica da Universidade Nova de Lisboa, localizada em Almada, Maria Luís Albuquerque, considera que as medidas implementadas pela Faculdade de Ciências e Tecnologia na gestão dos seus departamentos, é uma mais-valia para a faculdade.

“Ao autonomizar cada departamento, fazendo com que cada serviço procure captar mais alunos e garantir mais receita, a faculdade vai permitir que cada departamento se desenvolva por ele próprio. Capitalizando assim receitas para depois serem posteriormente aplicadas, inclusivamente podendo apoiar novos projetos de investigação”, sublinhou.

A cabeça-de-lista da coligação espera que os alunos aprendam com esta cultura de gestão, destacando ainda o aumento bastante significativo das candidaturas ao ensino superior, este ano, sendo um sinal de que os jovens “se querem qualificar cada vez mais”.

Partilhe esta notícia