Um concerto do músico cabo-verdiano Tito Paris no Fórum Luísa Todi inicia o programa comemorativo do feriado municipal de Setúbal, integrado nas Comemorações Bocagianas 2020, com diversos eventos culturais, desportivos e de lazer de 5 a 20 de setembro.

Tito Paris dá um concerto na véspera do feriado municipal, a 14 de setembro, às 21h30, no Fórum Municipal Luísa Todi. A entrada é gratuita, mediante reserva através do endereço de correio eletrónico bilheteira.fmlt@mun-setubal.pt.

O músico, uma das maiores referências culturais de Cabo Verde, foi condecorado em 2017 com o grau Comendador da Ordem do Mérito pelo Presidente da República.

Foi também em 2017 que regressou aos discos, com o lançamento do álbum “Mim ê Bô”, o qual conta com a participação especial do falecido rei da morna Bana, com o português Boss AC e o músico brasileiro Zeca Baleiro.

A cerimónia do hastear da bandeira no edifício dos Paços do Concelho, pelas 09h00, inicia a 15 de setembro, Dia da Cidade, as comemorações oficiais dos 255 anos do nascimento de Bocage, numa iniciativa da Câmara Municipal de Setúbal com o envolvimento de diversas associações culturais e recreativas.

Segue-se, uma interpretação do Hino do Município por Marcos Santos e pelo Coro Afina Setúbal, do município, e cerimónia de homenagem a Bocage, com a habitual deposição de flores na estátua erguida na Praça de Bocage em sua honra. Há ainda leitura de poemas pela Associação Cultural TOMA – Teatro Oficina Multi Artes.

O programa prossegue a partir das 10h00, com uma sessão solene, no Auditório José Afonso, que inclui homenagem aos trabalhadores municipais aposentados e entrega de medalhas honoríficas a uma centena de personalidades e entidades.

Outro dos momentos altos do feriado municipal é a inauguração da obra de reabilitação na Estrada Nacional 10, com mural artístico de Smile1art, às 15h00, e do novo Centro Municipal de Natação de Águas Abertas, instalado no Parque Urbano de Albarquel, às 15h30.

Um novo espaço da cidade, com Posto de Turismo, Centro Interpretativo da Gastronomia e Vinhos de Setúbal, Loja de Produtos Regionais e Cafetaria com terraço, na antiga sede do Clube Militar de Oficiais de Setúbal, e a Sala do Município, nos Paços do Concelho, são inaugurados às 17h30 e 18h30.

Nas comemorações do 15 de Setembro, a Casa Bocage, edifício onde se atribui o local de nascimento do poeta setubalense em 1765, está de portas abertas das 15h00 às 19h00 e proporciona visitas guiadas.

O Dia de Bocage e da Cidade reserva ainda a Mostra de Saberes e Sabores de Setúbal, no passeio junto da entrada da Casa da Baía, entre os dias 12 e 15, das 09h00 às 20h00, com produtos regionais e artesanato com trabalho ao vivo de artes e ofícios.

No dia 15, o município organiza ainda os peddy papers urbanos “Experienciar Setúbal”, às 09h00, que dá a conhecer o património setubalense e com inscrições em ditur@mun-setubal.pt ou 265 545 010, e “Caminhos com Estória”, às 15h30, pelos bairros dos Pescadores e Grito do Povo, com inscrições até dia 11 pelo 265 541 500 ou disoc@mun-setubal.pt.

Além do dia 15, as comemorações dos 255 anos do nacimento de Manuel Maria Barbosa du Bocage, com mais de duas dezenas de atividades, com poesia, música, tertúlias e apontamentos cénicos, incluem outras iniciativas ao longo do mês de setembro.

A 5, no Moinho de Maré da Mourisca, às 10h00, desenvolve-se “El Mano Sadino”, peddy paper para grupos de cinco pessoas, até um máximo de seis grupos, com prémios de participação para todos. Os interessados podem concretizar a inscrição através do telefone 265 783 0902 ou do endereço ditur@mun-setubal.pt.

No dia seguinte, a 6, pelas 15h00, o Moinho da Mourisca acolhe a tertúlia “Conversas no Moinho”, com leitura de poemas de Bocage e degustação de ostras do Sado e vinho da região.

No dia 11, às 21h30, no Fórum Municipal Luísa Todi, há o espetáculo “Musicamera – Beethoven e a sua Época – Bontempo”, comemorativo dos 250 anos do nascimento do músico, com bilhetes a 10 euros para a plateia e a 8 para o balcão.

À mesma hora, a poesia, a música e o cinema unem-se na Casa da Baía, numa organização da 50 Cuts.

Nesta iniciativa, designada “Bocage à Solta”, participam João Jacinto, Lúcia Araújo, Sara Loureiro e Teatro Estúdio Fontenova. Há ainda apontamento musical por Tiago Morais e a exibição de filme de animação pelo atelier Math is Good. As reservas devem ser feitas pelo e-mail 50cuts.cinema@gmail.com.

No Pátio Dimas da Casa da Cultura, às 22h00, há um concerto de fado, mediante lotação do espaço e de acordo com as orientações da Direção-Geral da Saúde.

No dia 12, entre as 10h00 e as 16h00, o Parque Urbano de Albarquel recebe o Encontro de Capoeira, com graduações, batizado de novos alunos e demonstrações, numa organização da Associação Movimentando a Arte Capoeira, que comemora 15 anos de atividade.

“Plasticus Maritimus: Uma Espécie Invasora”, exposição de Ana Pêgo sobre os objetos que dão à costa nas praias portuguesas, é inaugurada a 12, pelas 15h00, na Casa da Baía, onde ficará patente até 10 de outubro.

Também no dia 12, às 21h00, há no Fórum Luísa Todi um concerto pela Orquestra Metropolitana de Lisboa, dirigida pelo maestro Pedro Amaral, com o solista Nuno Inácio. “Giochi di Uccelli” tem entradas a 15 euros para a plateia e 12 para o balcão.

À mesma hora, decorrem outros concertos, ao ar livre, no Largo de Santa Maria, do programa “Música do Largo”, e na Praça de Bocage, com “Da Bad Juju’s Band”, projeto de jazz e rock’n’roll de Jaime Almeida, no clarinete, João Santos e Gonçalo Alegre, nas guitarras, Tó Pacheco, no violoncelo, e João Figueiras, na bateria.

No Largo da Misericórdia, meia hora mais tarde, há “Tertúlias Bocageanas”, com a temática “A Clandestinidade na Poesia de Bocage”, em que participam a Associação Cultural TOMA – Teatro Oficina Multi Artes e a Sociedade Musical Capricho Setubalense.

No dia 13, às 11h00, destaque para a inauguração do Centro Municipal de Atividades Subaquáticas, no Parque Urbano de Albarquel.

Da parte da tarde, pelas 17h00, Setúbal, Portalegre e Estremoz estão juntas no 16.º Festival de Bandas Filarmónicas da Cidade de Setúbal, certame que decorre no Auditório José Afonso, numa organização da autarquia e da Capricho, com o apoio da União das Freguesias de Setúbal.

A 13, às 18h00, realiza-se a cerimónia de entrega de prémios do XXI Concurso Literário Manuel Maria Barbosa du Bocage, da Liga dos Amigos de Setúbal e Azeitão, que tem lugar no Salão Nobre dos Paços do Concelho.

As comemorações em homenagem a Bocage reservam para o dia 18, no exterior na Casa da Cultura, o concerto gratuito, sujeito a marcação, “Pedro e os Lobos”, do guitarrista e compositor Pedro Galho, que apresenta o álbum “Depois da Tempestade”, evento do ciclo Emergências. Reservas pelo telefone 265 236 168 ou pelo endereço casacultura@mun-setubal.pt.

“Simplex”, ópera cómica multimédia interativa sobre os desafios trazidos pela tecnologia numa aldeia do interior do país, numa interpretação do Quarteto Contratempus, pode ser vista a 19, às 21h30, no Fórum Municipal Luísa Todi, com preços a 12,5 e 15 euros. É necessária reserva pelo telefone 265 522 127 ou pelo e-mail bilheteira.fmlt@mun-setubal.

Por fim, no dia 20 de setembro, as Comemorações Bocagianas 2020 acompanham o centenário do nascimento de Amália Rodrigues.

Às 15h00, haverá, no Cinema Charlot – Auditório Municipal, a conferência “Abraçar Amália é Abraçar Portugal” e, às 17h30, no Fórum, um concerto de tributo à fadista, com Ana Laíns, Carla Lança, Carla Pires, Deolinda de Jesus, Inês Pereira, Paulo Rocha, Pedro Moutinho, Teresinha Landeiro e Tiago Correia, com entradas a cincos euros.

Antes do espetáculo, às 16h00, também no Fórum, é inaugurada a exposição “Amália Canta-me o Fado”, da coleção privada de Ricardo Jorge Melo Nunes.