O grande jogo do passado fim-de-semana entre o Sporting e o Benfica, para a Taça de Portugal, deixou marcas profundas. Marcas essas que afectaram mais o Benfica que o Sporting, visto que o clube da Luz acabou por perder o derby novamente. (Já sem falar dos dois jogadores que acabaram no hospital (Gaitán e Luisão). Existiram vários lances polémicos mas os mais badalados pela comunicação social foram a agressão de Slimani a Samaris e um pénalti que ficou por marcar a favor do Benfica. Falámos com três dos intervenientes do jogo para saber realmente como se passaram as coisas…

 

Jorge Jesus:

 

Um dia após o jogo, encontrámos Jorge Jesus num salão de cabeleireiro em Cascais a acertar as pontas enquanto as madeixas verdes e brancas secavam. Perguntamos-lhe se tinha visto a foto das marcas da operação ao braço do Luisão, que andaram a circular na internet, e se já tinha enviado um SMS ao capitão do Benfica, a desejar as rápidas melhoras. A resposta dele foi chocante:

* Mas qual sm… sn… sm coiso, qual carapuças! Aquilo sêra tudo uma grande treta! Aquilo não sêra marcas nenhumas de operação! Vocês pensarem que enganam aqui o Jesus, mas estárem redond… redun… radondos… Epá, estarem a ser intrujados, é o que é! Eu vira bem as imagens, e aquilo é uma tatuagem, pá! Quando eu estivera a comandar as tropas do Benfica, o Lu… Lui… Eh, o cabeção, prontes, já queria fazer uma tatuagem nova no braço. Eu é que não deixára, porque eu nã gosto cá dessas mariquices! Isso só serve para deixar os jogadores mais pesados, ali cheio de tinta cravada no corpo… Agora, metem lá um gajo que não tem pulso forte para aquela cambada de playboys, é normal que aquilo esteja uma verdadeira anar… unar… anarq… Epá tudo ao molhe e fé em Zeus!»

 

(Infelizmente desta vez temos de dar o braço a torcer e, como benfiquistas que somos, temos de concordar com Jorge Jesus… O Benfica é, actualmente, uma valente anarquia! O lema que impera naquele balneário deve ser: “Todos por todos e cada um por si, pois aquele que mandava já não está aqui!”)

 

Slimani:

 

Depois de falarmos com Jorge Jesus, e do RIC fazer umas madeixas fúcsia, saímos do salão de cabeleireiro e deparámo-nos com Slimani, o jogador do Sporting, que estava a dar carga de ombro ao arrumador de carros que lhe pedia uma moedinha… Abeirámo-nos rapidamente dele e perguntámos-lhe o porquê de ter agredido Samaris…

 

«O quê? Qual agressão? Eu? Mas vocês estão malucos, ou quê?! Quer dizer, eu é que tenho de aturar um mister que fala pior português que eu que sou argelino, e ainda tenho de ouvir disparates destes? Fiquem sabendo que eu estava a ajudá-lo! É que apercebi-me que estava um mosquito enorme de volta do pescoço dele e, como existem centenas de brasileiros em Alvalade, um deles pode perfeitamente ter trazido Dengue para cá! Vai daí decidi que o melhor a fazer era matar o bicho o mais rápido possível! Tudo em prol do futebol, é claro… E do respeito pelo colega de profissão, obviamente…»

 

(Eish… Já ouvimos desculpas bem melhores, ó Slimani… Diz logo que não vais à bola com o grego por ele ser mais bem bonito que tu… Seu invejoso! Feio. Mau!)

 

 

Rui Patrício:

 

O guarda-redes do Sporting estava numa esplanada de Lisboa, pacatamente a beber o seu cafezito enquanto via imagens d’ Quinta, quando o abordámos para tentar saber a sua opinião sobre o lance da lesão do Luisão. E o que ele nos disse foi no mínimo… Preocupante:

«Hã? O que foi? O Luisão? Ah, isso… Ainda hoje estou para saber por que raio é que ele não foi expulso do jogo! É que vê-se perfeitamente que foi ele quem me agrediu! Se virem bem as imagens, é perceptível que é ele quem voa em direcção ao meu joelho. De propósito para me lixar! Ele foi mesmo com intenção de me lesionar, pá! E logo agora que já tenho a transferência para o Barcelona quase negociada… Mas o árbitro, mais uma vez, não viu nada! Mas também vos digo uma coisa: aquilo que o Luisão fez foi de mestre! Arranjou maneira de sair lesionado por uns meses, apenas para que os adeptos benfiquistas o apõem em vez de o apupar por ele já estar velho e acabado! Ele é que a sabe toda! Bom… Agora vou andando que tenho os meus amigos Messi e Neymar à minha espera para irmos todos celebrar a minha “quase transferência”. Com licença…»

 

(A isto chama-se “virar o bico ao prego” senhor Rui Patrício. Sim, senhor, estás a ficar um homenzinho. Talvez seja por isso que FINALMENTE vais ser transferido para outro lado. Ou será que não vais e isso era tudo treta?! Hum… Olha, se queres um conselho aqui da malta, caso a transferência não aconteça segue o exemplo do Luisão e sai assim de fininho. É que também já não vais para novo e mais vale um braço partido com dignidade do que uma ego estraçalhado com vergonha…)

 

 

 

Visite-nos em: http://estapafurdiosdoquotidiano.blogs.sapo.pt/

E faça like na nossa página do Facebook: https://www.facebook.com/EstapafurdiosDoQuotidiano

Partilhe esta notícia