Na segunda-feira passada realizou-se, uma vez mais, a grandiosa gala da Bola de Ouro. Um evento que premeia o que de melhor se fez no ano passado, no que diz respeito ao futebol. Desde à eleição da equipa do ano, assim como à de melhor treinador e passando igualmente pela eleição da melhor jogadora do ano, o momento mais alto da noite recai sempre na escolha do melhor jogador do ano — que, nos últimos anos, tem sido apenas uma luta a dois entre Cristiano Ronaldo e Leo Messi. Mas esta gala ficou marcada não pela vitória de Messi, mas sim por uma imagem que correu mundo, onde aparece Cristiano Ronaldo a cumprimentar a esposa de Messi, perante o olhar constrangido de Leo Messi e Neymar. O Estapafúrdios do Quotidiano conseguiu chegar à fala com os três melhores jogadores do mundo, que nos explicaram o que realmente se passou…

Neymar:

Pó, caraca. Vocês não imaginam não, o que se passou ali. Cara, aquilo foi realmente muito assustador, por Deus! Eu nem consigo bem explicar, porque estou ainda bastante assustado, moços. Todo o mundo pensa que o Cristiano estava apenas cumprimentando a mulher do Leo, mas não foi isso que se passou, não. Caraca, foi muito pior que isso, moços… Eu cheguei temendo pela minha vida, por Deus. Moços, ele, o Cristiano, não estava apenas cumprimentando a moça do Leo, não, ele estava sim a fazer olhinhos a mim, caraca! Fiquei até assustado, porque ele me disse que apreciava muito as minhas pernas, especialmente quando me via a dançar samba… Moços, eu nunca pensei que o Cristiano fosse desses, caraca… Pô, que susto!”

(Ó Neymar, olha lá uma coisinha: nós achamos que tu estás a fazer confusão com outro Ronaldo. Sabes, aquele teu compatriota que há uns anos foi apanhado no hotel com travestis e tal… Pois, esse mesmo…)

Leo Messi:

Buena, vocês podem pensar que era o Cristiano que estava a tentar engatar a minha mujer, mas estão muito enganados… Na verdade, até fui eu que provoquei aquele aperto de mão. É que… eu acordei com o Cristiano que ele me dava uma das suas bolas de ouro em troca de uma noche com a minha mujer. É que tanto eu como mi carino gostamos muito daquele filme em que entra a Demi Moore, um tal de “Proposta Indecente”, em que um milionário oferece 1 milhão de dólares em troca de uma noche com a Demi Moore, e eu acho que o Cristiano gostou da ideia… Buena, em Portugal eu não sei como é, mas na Argentina basta um aperto de mão para selar um acuerdo. Não é necessário cá assinaturas… Foi algo que aprendi com mi querido papi, que tão bem gere o mi dinero…”

(Pois, pois… Ó Messi, se tu tiveres tanto jeito para gerir dinheiro como tem o teu pai, quer-nos cá parecer que acabaste de ficar sem mulher e sem bolas de ouro… TAU!)

Cristiano Ronaldo:

Eu penso que… está tudo a ver o filme ao contrário, pá! Eu estava apenas a ser simpático para com a esposa do anãozito… Eh, eh, eh! Eu penso que… eu estava apenas a ler a mão da miúda, pá. Foi algo que eu aprendi com a minha querida mãezinha, dos tempos em que ela fingia que sabia ler a fortuna nas mãos das pessoas, só para não ter um emprego a sério… Aliás, eu penso que… até foi assim que eu dei a volta à Irina! Eh, eh, eh! Bom, eu penso que… isto não era para se contar, mas eu aproveitei para dizer à esposa do pequeno e irritante hobbit, que ele pode ter 5 Bolas de Ouro, mas eu é que tenho umas verdadeiras bolas de aço, e até tenho uma estátua minha na Madeira. E… eu penso que… ela estava a sorrir porque eu disse-lhe que, tal como a estátua na Madeira, eu também sou avantajado naquela zona do corpo… Sabem, aquela zona em que… Oh, eu penso que… vocês sabem do que eu estou a falar… Eh, eh, eh!”

(Cristiano Ronaldo, Cristiano Ronaldo… se tu conseguisses “sacar” a esposa ao Messi, não haveria uma Bola de Ouro que confortasse isso, quanto mais cinco… Ah g’anda CR7, pá!)

Visite-nos em:

http://estapafurdiosdoquotidiano.blogs.sapo.pt/

E faça like na nossa página do Facebook:

https://www.facebook.com/EstapafurdiosDoQuotidiano

Partilhe esta notícia