Os Deolinda numa altura em que comemoram uma década de carreira, estiveram em grande na passada 5ª feira nos “Grandes Concertos do Casino Estoril” no Lounge D, onde além das já conhecidas músicas, apresentaram o seu mais recente trabalho “Outras histórias”.

A plateia, com cerca de 5 mil pessoas, vibrou com as músicas “A problemática questão da colocação de um mastro”, “Corzinha de Verão”, não esquecendo “Que seja agora”, “Movimento perpétuo associativo”, acabando o concerto em beleza com “Musiquinha”.

Recorde-se que os Deolinda editaram, em 2008, o disco “Canção ao lado” e em 2010 voltaram com sucesso, com o álbum multi-platinado “Dois selos e um carimbo”. Posteriormente, em 2013, lançaram o terceiro álbum de originais intitulado “Mundo pequenino”.

Mais uma vez, Ana Bacalhau mostrou porque é considerada uma das melhores artistas portuguesas em palco.

Em declarações ao Distritonline, Ana Bacalhau disse: “Gostámos muito de vir ao Casino Estoril, onde vivemos uma relação com o público de grande intimidade e proximidade. A participação é sempre fantástica”. Disse ainda “Os concertos tanto no estrangeiro como em Portugal têm corrido sempre bem. Concertos este ano de 2016 deverão ser cerca de 70”.

Os “Grandes Concertos do Casino Estoril” continuam até dia 8 de Setembro, todas as quintas-feiras, a partir das 23 horas. A entrada é livre.

– 01 de Setembro: HMB

– 08 de Setembro: António Zambujo

 

 

Cláudio Anaia

Fotos: Conceição Alves / Casino Estoril

 

 

 

Partilhe esta notícia