O PCP confrontou ontem o Governo com a situação a urgência da construção da Escola Superior de Saúde do Instituto Politécnico de Saúde.
Durante a discussão do Orçamento do Estado para 2021 com o ministro do Ensino Superior, Paula Santos, deputada do PCP eleita pelo distrito de Setúbal, afirmou:

“É urgente construir as instalações da Escola Superior de Saúde do Instituto Politécnico de Setúbal. Ano após ano temos colocado esta questão ao Governo e o Governo continua a não dar resposta a esta reivindicação.

“Uma reivindicação de toda uma comunidade académica, de docentes, funcionários e estudantes. A Escola Superior de Saúde iniciou a atividade há 20 anos e continua sem instalações próprias, funcionando numa ala na Escola Superior de Ciências Empresariais. Uma escola com formação de qualidade e que continua sem condições físicas para acolher estudantes, professores e funcionários. A atual situação não permite uma utilização eficiente dos espaços e retira, obviamente, capacidade de intervenção no domínio prático experiencial.

“Não entende o Governo que estes estudantes têm direito a terem condições de ensino e que os docentes e os funcionários têm direito a condições de trabalho adequadas? Não há qualquer justificação, estando identificada esta necessidade, de esta não ter instalações e o Governo ano após ano insiste em não tomar as medidas necessárias para a realização deste investimento. Construir a Escola Superior de Saúde é investir na qualidade e no desenvolvimento técnico e científico. É garantir condições de funcionamento e de ensino adequadas.

“Por isso pergunto-lhe se é desta vez que está previsto no Orçamento do Estado o financiamento para lançar o processo de construção da Escola Superior de Saúde do IPS?

“Na Assembleia da República foi aprovada uma Resolução, por proposta do PCP, que recomenda ao Governo que proceda ao lançamento do processo de construção da Escola Superior, mobilizando os recursos financeiros para este fim. O Governo vai ter em conta esta recomendação aprovada na AR, ou vai continuar a fazer de conta que não é nada com o Governo e vai continuar a penalizar os estudantes? 20 anos para construir as instalações de uma escola é tempo mais do que suficiente!”

Segue o link com o vídeo da intervenção sobre a construção da escola superior de saúde no IPS.

http://www.pcp.pt/urgente-construir-instalacoes-da-escola-superior-de-saude-do-instituto-politecnico-de-setubalO Gabinete de Imprensa da DORS do PCP