Intervenção permite maior fiabilidade e segurança da rede de Média e Baixa Tensão.

A EDP Distribuição vai substituir a rede aérea de Média Tensão por uma rede subterrânea, na Costa da Caparica, em Almada, com os objetivos de aumentar a fiabilidade e a segurança da rede de Média e de Baixa Tensão, e diminuir o impacto visual das infraestruturas no meio envolvente.

A rede de Média Tensão em cabo do tipo “torçada”, suportada por apoios de madeira tratada, solução acordada com o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas (ICNF) está, neste momento, no fim da sua vida útil.

Por se tratar de uma zona particularmente exposta a elevados níveis de salinidade, que provoca uma degradação das infraestruturas, iniciaram-se, em 2018, os contactos formais com as várias entidades envolvidas na jurisdição da área, nomeadamente a Câmara Municipal de Almada e o ICNF, tendo sido obtida a autorização para a substituição da rede aérea por uma rede subterrânea.

A intervenção inclui a instalação de 1,9km de rede subterrânea de Média Tensão, bem como a substituição dos Postos de Transformação instalados em duas das praias da Costa da Caparica (a Praia da Sereia e a da Cabana do Pescador) por outros em alvenaria, do tipo pré-fabricado, a instalar em zona protegida pelas dunas, próximo do local onde se encontram instalados os atuais.

As obras vão iniciar-se em outubro de 2019 e têm um investimento global de 123 mil euros.

Partilhe esta notícia