Uma óptima notícia para os moradores de Tróia e Setúbal foi oficializada neste mês: a empresa macaense Macau Legend Development comprometeu-se a pagar a quantia de €40 milhões pela concessão do Casino de Tróia. A compra do casino, que fica pertinho de Setúbal, é parte do interesse da empresa asiática em investir na cidade sadina e nas margens do Sado.

Com isso, será criada uma nova empresa – a Amorim Turismo, Aquarius e B&G. Essa companhia tem o objectivo de acelerar o desenvolvimento em Setúbal e Tróia e de impulsionar o turismo no concelho. De acordo com comunicado oficial, essa empresa será criada até o último dia deste ano. “55% do capital será detido pela Macau Legend, enquanto o resto estará com a B&G”, informa o comunicado.

Conhecido na região, o casino é um dos maiores pontos turísticos – algo que não é diferente em outras cidades no mundo, pois o casino, tradicional e secular, geralmente atrai muitos visitantes para onde está sitiado.

Como parte do investimento que será feito em Setúbal, estima-se que cerca de €200 milhões serão colocados pelos investidores. Nesse dinheiro, dois hotéis serão construídos, a incluir bloco de 60 apartamentos.

Uma marina também será erguida, assim como novas instalações para o Clube Naval Setubalense. “Na segunda fase, nascerá mais um hotel, uma marina, zona de estacionamento e equipamentos culturais. A primeira fase do projecto terá arranque para os primeiros meses de 2018”, informa o Jornal de Negócios.

Em entrevista ao Diário da Região, o canadiano Sheldon Trainor, administrador executivo da Macau Legend Development, explicou o interesse da empresa macaense na cidade de Setúbal. “Nós estamos interessados em Setúbal. Fazemos muitos projectos por ano e gostamos de Setúbal por duas razões. A primeira, por considerarmos Setúbal uma cidade histórica e um sítio muito interessante, muito bom para o turismo, e por gostarmos do facto de Tróia estar muito próxima de Setúbal”, informou Sheldon.

A ideia da Macau Legend Development é fortalecer o turismo integrado. “É uma combinação entre Setúbal e Tróia, que é uma oportunidade única para desenvolver um destino turístico integrado. Temos a parte antiga da cidade de Setúbal e um ambiente exterior em Tróia com os campos de golfe e as praias. É uma combinação única. Para construir este projecto em Setúbal, ligamos, essencialmente, Setúbal e Tróia num único resort”, revela o canadiano.

É bom lembrar que a Macau Legend Development, fundada em 2006, não faz investimentos apenas em Portugal. A empresa tem negócios em outras partes do mundo, como Cabo Verde e Laos. “Também decidimos investir porque estarmos neste momento a desenvolver um projecto em Cabo Verde e por pensarmos que ter uma plataforma em Portugal permite-nos integrar a oferta turística em Portugal e em Cabo Verde”, completa o administrador da empresa na entrevista.

Setúbal, que já é uma cidade atrativa aos visitantes de todos os cantos do mundo, está prestes a tornar-se ainda mais bonita aos turistas. E o investimento externo pode aumentar até a €250 milhões.

Com todo investimento milionário que será realizado pelos empresários nos próximos anos e a expectativa de criar três mil postos de trabalho, o otimismo paira sob a economia nas margens do Sado.

Partilhe esta notícia