“BioBlitz – Biodiversidade para todos” foi a proposta do último “Reserva o Sábado”, realizado a 2 de abril. No período da manhã, foi efetuado o levantamento das espécies na zona ripícola, ao longo do caminho até ao charco. À tarde, o levantamento foi feito numa zona de montado. Na iniciativa foi encontrada uma espécie rara: borboleta branca-portuguesa.

Os participantes levaram fichas de campo criadas para o evento, para registo de todas as espécies detetadas. Das espécies encontradas, a maioria eram comuns, embora desconhecidas do público. Foram detetadas espécies como libelinhas, louva-a-deus, borboletas, anfíbios, répteis, flora exótica e autóctone.

No fim da atividade, as espécies encontradas foram identificadas, registadas e fotografadas, para inventário. Sendo uma atividade no âmbito do projeto Biodiscoveries, foi abordada a importância do controlo das espécies invasoras, que acabam por colocar em risco as autóctones existentes na Mata da Machada.

A importância da rara borboleta branca-portuguesa (Euchloe tagis) encontrada reside no facto de ser um bioindicador de qualidade e sustentabilidade, uma vez que se trata de uma espécie sensível a alterações que ocorram no seu habitat. A conservação desta espécie de borboleta implica medidas de gestão e manutenção de todo um ecossistema, constituído por um conjunto de várias outras espécies, igualmente, importantes, em termos de conservação da natureza e dos serviços dos ecossistemas que estas provêm.

“Reserva o Sábado” é dinamizado pelo Centro de Educação Ambiental da Câmara Municipal do Barreiro. É uma iniciativa desenvolvida no âmbito do Biodiscoveries e está inserida nas ações de sensibilização do público. Realiza-se no primeiro sábado de cada mês.

Partilhe esta notícia