O Projeto Diag / Comissões Sociais das Freguesias do Cercal do Alentejo e de Santo André, da União de Freguesias de Santiago do Cacém, Santa Cruz e S. Bartolomeu da Serra e da Academia Sénior de Artes e Saberes (ASAS) promoveram, no passado dia 25 de outubro, a participação de 22 cidadãos do Município de Santiago do Cacém numa Consulta Pública sobre Consumo Sustentável.

Tratou-se de uma iniciativa de cariz europeu, organizada em Portugal pelo Instituto de Tecnologia Química e Biológica (ITQB), no âmbito do projeto europeu PACITA, financiado pela União Europeia. Participaram nesta consulta pelo menos 100 cidadãos em cada um dos 11 países envolvidos − Portugal, Holanda, Áustria, Bulgária, Espanha (Catalunha), Dinamarca, Hungria, Lituânia, República Checa, Irlanda e Bélgica (Valónia).

Em Lisboa, no Centro Cultural de Belém, os cidadãos portugueses foram auscultados sobre problemas relacionados com grandes desafios na área do ambiente, tais como aquecimento global, recursos energéticos, água, produção alimentar e saúde pública.

A mobilização dos cidadãos para a participação cívica e política, e o seu envolvimento no debate de questões importantes ao nível das políticas públicas são também um dos objetivos das Comissões Sociais de Freguesia.

Os 22 participantes do Município participaram num ato cívico de verdadeira importância, mostrando que se interessam e preocupam com assuntos que, afinal, dizem respeito a todos nós.

Partilhe esta notícia