O arruamento que faz a ligação entre a Praça da Amizade e o Largo Alexandre Herculano, no centro da cidade, foi aberto à comunidade, hoje, 30 de março, pelo Presidente da Câmara Municipal do Barreiro (CMB), Carlos Humberto de Carvalho, e membros dos executivos do Município e da União das Freguesias do Barreiro e Lavradio.

Esta intervenção envolveu um investimento de 400.000€. A obra contemplou, ainda, a requalificação da zona verde do Campo das Cordoarias (a sul do Forum Barreiro), no valor de 420.000€.

 

De referir que a intervenção foi concretizada após o Município do Barreiro ter acionado uma garantia bancária, como consequência do abandono da obra pelo anterior empreiteiro.

Segundo o Presidente, este projeto foi “integralmente realizado pelos serviços do Município, exceto na execução da obra, a cargo de uma empresa”.

No âmbito de um projeto global estão previstas outras intervenções para o mês de junho deste ano, totalizando um investimento global de 1 milhão de euros.

Carlos Humberto de Carvalho adiantou que estão contemplados outros arranjos no terreno junto ao perto do Pateo Albers e no acesso ao Barreiro A.  Esclareceu, ainda, que o terreno contíguo à entrada sul do Forum Barreiro, que se encontra vazio, é privado e aguarda a construção de urbanização.

Em simultâneo, será realizada uma operação de limpeza no terreno do antigo campo do Barreirense (privado), em acordo com os proprietários.

Mediante a concordância com Baía do Tejo, a Autarquia irá demolir as instalações da antiga cavalariça, bem como o muro do Jardim dos Franceses, “no sentido de abrir este espaço ao rio e ao Barreiro velho”, referiu Carlos Humberto de Carvalho.

Este projeto global irá, na sua opinião, “criar melhores condições de habitabilidade, de vida social, de vida cívica e de usufruto do espaço comum”.

 

“A cidade está de parabéns”, referiu a Vereadora Sofia Martins, na ocasião, agradecendo o empenho dos serviços da CMB envolvidos neste projeto “complexo”.

Partilhe esta notícia