No âmbito da iniciativa “Cientistas por um dia”, em parceria com o município de Setúbal

Instituto Politécnico de Setúbal (IPS) associa-se uma vez mais à Câmara Municipal de Setúbalna iniciativa “Cientistas por um dia”, que convida os alunos do 1.º ciclo das escolas do concelho a descobrirem os mistérios da ciência, este ano através da sessão virtual “Mão Ecológica”, em torno da temática das alterações climáticas.

O evento, agendado para amanhã, 10 de novembro, tem início pelas 14h30 e inscreve-se nas comemorações do Dia Mundial da Ciência ao Serviço da Paz e do Desenvolvimento, decorrendo a partir da Biblioteca Municipal de Setúbal, através da plataforma Colibri Zoom. A dinamização estará a cargo de três estudantes da licenciatura em Educação Básica da Escola Superior de Educação (ESE/IPS), coordenadas pela docente Helena Simões, destinando-se aos alunos dos 3º e 4º anos do 1º ciclo.

Que fenómeno é este, afinal, qual o trabalho dos cientistas nesta área, e o que podemos fazer para, nos pequenos gestos do quotidiano, diminuir a nossa pegada ou “mão” ecológica, são algumas das questões a abordar ao longo dos 30 minutos previstos.  Nesta sessão, os mais novos terão ainda a oportunidade de conhecer o trabalho de um dos mais reputados especialistas internacionais em alterações climáticas, o investigador Filipe Duarte Santos, professor catedrático jubilado de Física da Universidade de Lisboa e presidente do Conselho Nacional de Ambiente e Desenvolvimento Sustentável.

Como em anos anteriores, e apesar dos constrangimentos inerentes à pandemia, o grande objetivo da iniciativa mantém-se: despertar junto dos mais novos o gosto e a curiosidade pelo universo científico, demonstrando que a ciência está em tudo o que nos rodeia e que é uma ferramenta imprenscindível para o excercício pleno da cidadania. 

Também numa parceria com a autarquia será assinalado, a 16 de novembro, o Dia Nacional da Língua Gestual, com sessões online de histórias para a infância contadas por técnicos da Biblioteca Municipal de Setúbal e traduzidas por estudantes da licenciatura em Tradução e Interpretação de Língua Gestual Portuguesa, também da ESE/IPS.

Uma boa oportunidade para conhecer a versão gestual de “Rita e Gil e a Festa de Anos”, “Versos de fazer ó-ó” e “Abecedário dos nomes”, histórias bem conhecidas dos pequenos leitores.

Mais informações em https://www.facebook.com/setubalguiadeeventos.