O Instituto Politécnico de Setúbal (IPS) recebeu recentemente a visita de dois docentes da Centennial College (CC), a mais antiga universidade pública da província de Ontário, Canadá, em missão de mobilidade para ensino e formação, concretamente nas áreas automóvel e da aeronáutica, ao abrigo do Programa Erasmus+ e da sua ação-chave 1 – International Credit Mobility, que permite a mobilidade internacional com países fora do espaço europeu.

 

Ao longo de uma semana,  de 30 de abril  a 7 de maio, os professores Slava Rolinski e Jakub Szczepanski, ambos da School of Engineering Technology and Applied Sciences (SETAS/CC), em Toronto, foram acolhidos pela Escola Superior de Tecnologia de Setúbal (ESTSetúbal), a sua congénere no IPS, onde tiveram oportunidade de conhecer as instalações, em particular alguns laboratórios,  participar em reuniões de trabalho e de troca de experiências com os colegas portugueses das respetivas áreas, e ainda de visitar algumas empresas com quem as equipas da ESTSetúbal colaboram, nomeadamente a Lauak (aeronáutica) e a Transvetra (automóvel).

 

Ao abrigo deste projeto de mobilidade Erasmus+ com o Canadá, cuja candidatura foi aprovada na convocatória de 2017, foram já selecionados através de concurso dois professores da ESTSetúbal/IPS, que terão uma experiência semelhante na Centennial College. Este será o próximo passo deste processo de construção de uma colaboração estreita entre as duas instituições, que prevê também, futuramente, a mobilidade de estudantes e o desenvolvimento de projetos de investigação conjuntos.

 

 

Legenda da foto: Ricardo Cláudio, docente da ESTSetúbal; Nuno Pereira, diretor da ESTSetúbal; Pedro Dominguinhos, presidente do IPS;  Slava Rolinski e Jakub Szczepanski, docentes da School of Engineering Technology and Applied Sciences/Centennial College.

 

Partilhe esta notícia