João Gouveia deu a conhecer a sua tomada de decisão à Presidente da Mesa da Assembleia Geral da Associação de Proprietários do Barreiro, Fernanda Afonso.

Na sua carta, confessa que demite-se com “alguma mágoa”,  referindo que não estavam a ser reunidas as condições necessárias para continuar com o mandato, referindo ainda, que recentemente tinha sido alvo de “injustas calúnias”, e que estas, “afetam o meu bom nome pessoal e profissional”, as quais serão tratadas em tempo oportuno com o respectivo procedimento jurídico.

No final não deixa de agradecer a toda a equipa de trabalho que o acompanhou tanto no primeiro mandato, como no segundo que agora finda. Destacando o esforço e empenho de todos, na renovação da imagem corporativa e comercial da APB, na sua presença nas redes sociais e de um novo site qualidade, na criação de um horário funcionamento ininterrupto ao logo de todo o ano, no alargamento do atendimento jurídico, numa comunicação mais regular com os associados, num protocolo de cooperação com a Câmara Municipal do Barreiro, na divulgação de projectos e programas de reabilitação urbana, de arrendamento e regime fiscal. Realçando que “Deixamos obra à vista de todos e para proveito de todos”.

Partilhe esta notícia