Pela Continuidade da Fertagus

Desde que o fim do contrato de ​exploração de transporte ferroviário pela Fertagus se avizinha que têm surgido movimentos e tomadas de opinião a defender o fim da concessão à Fertagus e a integração do serviço na CP.

Porém a Juventude Popular de Almada não está de acordo, e fez se ouvir junto da Assembleia Municipal de Almada no passado dia 20 de Setembro.

A JP de Almada apresentou o que de bom se faz na Fertagus, a responsabilidade deste serviço que é “a forma mais rápida e eficaz de chegar à capital”. E apresentou as suas dúvidas face à CP, evidenciando as fragilidades com que este operador se depara diariamente.

Segundo a visão da JP Almada , é fundamental dar “continuidade a um serviço de excelência que tão bem serve os Almadenses”.
Apelaram junto dos Vereadores e Deputados a ouvirem os seus eleitores, para, quando for o momento de decidir, se possa tomar uma decisão acertada.

Em relação aos movimentos que se têm insurgido contra a permanência da fertagus, a Juventude popular de Almada na pessoa do seu presidente diz “estes movimentos têm se ​revelando estar cegamente presos a ideologias que só demonstram querer destruir a mobilidade da margem sul.”

Partilhe esta notícia