Kelly Services – Visteon despede por SMS

 

A empresa de Trabalho Temporário – Kelly Services, despede trabalhadores por SMS, estes trabalhadores encontram-se a prestar trabalho na Visteon, para além de tal pratica ser em nosso entender ilegal, o mais caricato de tal SMS vai para o seguinte texto: “Agradecemos que guarde o fardamento até novas indicações,pois não temos conhecimento se se trata de uma pausa com duração de uma semana”.

 

Acontece porem, que até o próprio texto do SMS, fere o direito constitucional á segurança no trabalho, pois os trabalhadores temporários não estão a prestar serviço de natureza temporária, mas sim efectiva com pausas que duram uma semana, ou seja existe abuso na contratação de trabalhadores temporários, que estão a ser utilizados, para prestar trabalho de natureza regular e permanente na empresa.

 

A contratação precária neste caso está a servir para explorar e intensificar a exploração de trabalhadores, que a estar contratado com este estilo de contrato poderá estar assim uma vida profissional inteira, usufruindo o mesmo salário e sempre com a mesma categoria profissional.

 

A União dos Sindicatos de Setúbal/CGTP-IN apela a que os trabalhadores contratados desta forma, junto com o seu sindicato SIESI, reclamem a sua efectividade e o seu vínculo efectivo junto da empresa.

 

 

A C. E. União dos Sindicatos de Setúbal/CGTP-IN