O Comando Distrital de Setúbal da PSP, através da Esquadra de Investigação Criminal da Divisão Policial de Almada, ontem, pelas 07H00, no âmbito de um inquérito, levou a cabo uma operação de combate ao tráfico de estupefacientes.

A operação desenvolveu-se na zona Almada e envolveu um total de 200 elementos policiais, de várias valências operacionais, nomeadamente Investigação Criminal, Equipas de Prevenção e Reacção Imediata e da Unidade Especial de Polícia (Grupo de  Operações Especiais, Corpo de Intervenção e Grupo Operacional Cinotécnico).

Houve ainda a colaboração da GNR, em virtude de alguns dos locais a realizar buscas se situarem na sua área de jurisdição.

A operação decorreu em diversos locais onde foi dado cumprimento a 25 mandados judiciais, dos quais 18 foram mandados de busca domiciliária.

Como resultado da operação há a registar:

A detenção de: 13 (treze) indivíduos (12 do sexo masculino e 1 do sexo feminino);

A apreensão de: 27.000 (vinte sete mil) doses individuais de heroína, 7.085 (sete mil e oitenta cinco) doses individuais de haxixe; 87 (oitenta e sete) doses individuais de liamba; 13 telemóveis; 39 (trinta e nove) cartões SIM; 5 (cinco) viaturas; 14.000 (catorze mil) euros em notas do Banco Central Europeu; 8 (oito) armas de fogo (1 tipo shot-gun; 1 calibre 7,65 mm e 6 calibre 6,35 mm); 100 (cem) munições vários calibres; 20 (vinte) armas brancas; 2 (duas) balanças de precisão; 300 (trezentos) embalagens de esteroides anabolizantes; 50 (cinquenta) embalagens de estimulantes sexuais; 500 (quinhentas) seringas.

Fonte: PSP

Foto: PSP

Partilhe esta notícia