Ao longo das últimas semanas foram-se conhecendo dezenas de estabelecimentos comerciais da freguesia da Amora no Seixal, que decretaram o seu fecho durante a realização da Festa do Avante!. O fecho é justificado pela salvaguarda da saúde dos colaboradores desses estabelecimentos comerciais e sob forma de protesto para com a realização do certame comunista.

Estas ações não concertadas vêm dar razão a todas as preocupações que a sociedade civil, os partidos e movimentos têm vindo a proclamar: A Festa do Avante! é um risco desnecessário, é uma festa que vai contra todas as regras aplicadas aos cidadãos comuns, na qual é permitido aos comunistas aquilo que não é permitido aos restantes portugueses.

Curioso e irónico que sejam os patrões, essa classe desde sempre vista com desdém e desconfiança pelos comunistas, a dar um banho de ética aos arautos das ideias soviéticas. 

Estes, os patrões, para salvaguardar o maior ativo que têm nas suas empresas, arriscam-se a perder muita faturação durante os dias da Festa do Avante! para que a sua porta possa ser aberta em segurança nos dias seguintes.

Estes, não hesitaram em defender os seus trabalhadores do risco real, que a enchente de foliões de todos os cantos do país que rumará ao Seixal, para participar no único festival que vai existir no Portugal pandémico. 

Os patrões, ao fecharem portas nos dias da festa, tornaram-se verdadeiros heróis de saúde no Seixal, porque ao cessarem atividade nestes dias, certamente que vão eliminar possíveis cadeias de transmissão que surgiriam caso as suas portas ficassem abertas.

Todos os comerciantes que decidiram fechar nos dias da Festa do Avante!, com esta atitude demonstraram quem está verdadeiramente ao lado dos trabalhadores e das suas famílias. Com esta atitude colocam os vossos trabalhadores e suas famílias fora de perigo e um pouco mais longe de serem afectados pelo vírus da COVID-19. Com esta atitude mitigam o risco de transmissão entre os vossos trabalhadores e impedem o fecho durante semanas a fio dos vossos estabelecimentos comerciais. 

A vós, endereço o meu profundo respeito e admiração. 

José Coutinho

Presidente da Juventude Popular Distrital de Setúbal

1 de setembro de 2020