As Festas do Barreiro, sob o tema “Interculturalidade”, começam dia 7 de agosto e prolongam-se ao longo de dez dias. E, é certo que no Palco das Marés ouviremos Mickael Carreira e Jorge Fernando. São estes os primeiros dos mais de 40 nomes que comporão o cartaz, revelados esta segunda-feira ao final da tarde durante a apresentação das Festas do Barreiro’2015 na Academia de Xadrez.

Com nove álbuns de platina e 200 mil discos vendidos, Mickael Carreira vai atuar no primeiro dia das festas maiores da cidade e traz na bagagem o seu mais recente álbum, «Sem Olhar Para Trás», de onde foram retirados êxitos como “Tudo o que Quiseres (com a participação de B4)”, o mais recente single, “A Noite ao Contrário”, e a versão portuguesa do sucesso global «Bailando», uma colaboração com o espanhol Enrique Inglesias.

O fadista, guitarrista e compositor de vários fadistas, como Mariza, Camané, Ana Moura ou Amália Rodrigues – com quem dividiu estúdios e palcos por mais de 20 anos -, Jorge Fernando vai subir ao Palco das Marés no dia 8 de agosto, onde sentir-se-á efetivamente em casa, espelhando, também, a clara aposta da Comissão de Festas em artistas da terra.

Regina Janeiro, vereadora da Cultura da Câmara Municipal do Barreiro e presidente da Comissão de Festas, anunciou que a organização está à espera de “120 mil pessoas”, batendo assim “os números registados no ano passado”, adiantando que irão atuar mais de 40 artistas, repartidos por quatro palcos.

A presidente da Comissão de Festas confessou que o orçamento para o programa de festividades é, este ano, um pouco mais elevado, cerca de 130 mil euros, lembrando que grande parte da receita vem “de os divertimentos e da venda ambulante”. “Nos últimos dois anos, o município deu cerca de 20 mil euros para as festas”, salientou.

“Quanto mais financiamento tivermos melhores poderão ser as Festas do Barreiro”, destacou a responsável, reiterando que continuam “na fase de recolha de apoios”.

Regina Janeiro referiu ainda que a planta das Festas de 2015 não sofre alterações em relação ao ano anterior, à exceção do ‘desenho’ da Mostra Empresarial e Institucional, que tem algumas melhorias em relação ao ano passado apesar de manter-se no mesmo local, fruto de inquéritos de satisfação feitos aos participantes.

Integrada na programação das Festas do Barreiro, haverá ainda, de acordo com o presidente da Câmara Municipal do Barreiro, Carlos Humberto de Carvalho, uma exposição que fará, naturalmente, alusão à interculturalidade, mas também à atividade portuária do Barreiro, às novas tecnologias de informação e ao turismo.

As Festas do Barreiro são organizadas por uma Comissão composta por 16 entidades: Associação de Mulheres com Patologia Mamária, Associação do Comércio, Indústria e Serviços do Barreiro e Moita, Associação Humanitária de Bombeiros Voluntários do Barreiro – Corpo de Salvação Pública, Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários do Sul e Sueste, Banda Municipal do Barreiro, Câmara Municipal do Barreiro, Gasoline – Associação Cultural e Desportiva, Instituto dos Ferroviários, Jardim de Infância D. Pedro V, Memória Colorida – Associação de Amigos da Colónia de Férias da CUF, Moto Clube do Barreiro, Santa Casa da Misericórdia do Barreiro, Sociedade de Instrução e Recreio Barreirense “Os Penicheiros”, União das Freguesias de Barreiro e Lavradio, Rumo – Cooperativa de Solidariedade Social, CRL e Grupo Desportivo do Barreiro.

A Comissão de Festas está sediada, desde ontem, na Academia de Xadrez, na Avenida Bento Gonçalves (“da Praia”), junto ao parque infantil.

 

Pedro Gonçalves vence a II edição do concurso “Cartaz Festas do Barreiro 2015”

Pedro Gonçalves venceu o concurso “Cartaz Festas do Barreiro 2015”, nesta II edição dedicada à interculturalidade, anunciou a câmara barreirense.

O prémio, no valor pecuniário de 1000 euros, foi entregue esta segunda-feira na Academia de Xadrez.

Este ano, a Câmara Municipal do Barreiro recebeu 10 propostas originais.

Pedro Gonçalves, que elaborou a imagem vencedora, explicou que o tema “Interculturalidade” está representado no coração estilizado, que simboliza amor, amizade, compreensão, fraternidade e o respeito pela diferença. O fundo verde significa esperança, sendo que a restante cor remete para a alegria “que é o que se pretende com as Festas”.

Para o presidente do município, a imagem vencedora espelha o que são verdadeiramente as Festas do Barreiro. “As Festas são o coração do povo do Barreiro, são um momento de partilha, de encontro”, rematou.