O Município do Montijo vai integrar o projeto Saúde Oral para Todos, promovido pelo Governo. No passado dia 18 de setembro, o presidente da Câmara Municipal do Montijo, Nuno Canta, já tinha assinado o protocolo de colaboração, que foi, agora, ratificado na reunião de câmara de 26 de setembro com os votos a favor do PS e do PSD e o voto contra da CDU. 

No protocolo assinado entre o Município do Montijo e a Administração Regional de Saúde de Lisboa e Vale do Tejo (ARSLVT), a autarquia fica responsável pelo financiamento do equipamento técnico necessário ao consultório, até ao montante de 47 972, 46 euros, assumindo a ARSLVT a responsabilidade dos recursos humanos, das obras, do licenciamento do espaço, dos sistemas de informação, dos consumíveis, da esterilização e da formação.

Desde a primeira hora que a Câmara Municipal do Montijo abraçou este projeto, consciente da importância e da relevância para todos os montijenses, e em especial, para os mais carenciados, da possibilidade de acesso a cuidados de saúde oral através do Serviço Nacional de Saúde. O consultório de saúde oral será instalado na Unidade de Saúde Familiar do Afonsoeiro.

O Governo, através das administrações regionais de saúde, pretende ter, em junho de 2019, 30 por cento dos concelhos do país abrangidos por este projeto que prevê a criação de pelo menos um consultório de saúde oral em cada município, no cumprimento de uma política de democratização do acesso a cuidados de saúde na área da medicina dentária. 

 

Fonte:CMMontijo

Partilhe esta notícia