O Laboratório de Aprendizagem do Montijo, uma das atividades do projeto municipal CRIA – Centro de Recursos para a Infância e Adolescência, entrou em funcionamento no dia 12 de abril, no Centro Cívico do Esteval. 

 

Na inauguração, o presidente da Câmara Municipal do Montijo, Nuno Canta, afirmou a importância deste novo projeto: “O CRIA e este Laboratório abrem à comunidade educativa montijense novas possibilidades, permitindo novas ferramentas de promoção do sucesso educativo e do combate ao abandono escolar”. 

“Este é o início de um projeto educativo de grande impacto. Um investimento desta envergadura que contribui para métodos de ensino mais eficazes e de diferenciação pedagógica, constitui também um projeto motor do desenvolvimento e coesão da nossa terra”, salientou Nuno Canta. 

O Laboratório de Aprendizagem do Montijo é um modelo holístico e inovador da sala de aula, que está à disposição das escolas dos vários níveis de ensino do município, mediante marcação prévia, para dinamização pelos docentes de aulas e outras iniciativas com os alunos.

Com recurso a meios tecnológicos inovadores e de qualidade, o Laboratório de Aprendizagem oferece um ambiente educativo pedagogicamente aliciante, permitindo estabelecer a ponte entre o quotidiano dos alunos e as práticas educativas, com o objetivo de mobilizar conhecimentos e promover o desenvolvimento de competências essenciais à vida profissional e pessoal dos jovens. 

O Laboratório de Aprendizagem do Montijo é uma das sete atividades do Projeto CRIA, que a Câmara Municipal do Montijo candidatou com sucesso ao POR Lisboa 2020. O investimento total no CRIA é de 459.742,21 euros, tendo obtido financiamento de 50 por cento (229.871,11 euros) por parte da União Europeia.

 As atividades deste projeto convergem com o Programa Nacional de Promoção do Sucesso Educativo e pretendem minimizar as assimetrias territoriais, socioeconómicas e culturais do município, assim como promover a igualdade de oportunidades aos alunos.

Partilhe esta notícia