Apresentação do livro «O homem que acusou Deus», de Pedro Guerreiro Cavaco.

7 de Dezembro, 21h
Igreja de Santo António, Pinhal de Frades.
Rua Mily Possoz, Pinhal de Frades (Seixal)

Apresentação
– Padre Miguel Alves (Pároco in solidum de Corroios e Vale de Milhaços) 
– João Melo Ribeiro (membro do Opus Dei em Setúbal).

Em declarações ao DistritOnline sobre esta obra o autor disse: “ Há ou não dentro da Igreja uma organização secreta e só acessível a algumas pessoas? Ou haverá antes, sobre ela, uma cisma estigmatizante?
Foi este o ponto de partida que pretendi, desde início, que não fosse toldado por manifestações exógenas, fossem em que sentido fossem.A partir da premissa, escrevi a história. Uma história que procurei que enaltecesse a verdade e honrasse as instituições. Garanto que não vi, para a escrever, dragões, leões ou unicórnios nos corredores visitados… tal como não os encontro na minha casa.
Procurei a verdade e sobre ela escrevi. Tal como os lugares – com excepção dos dois restaurantes que Ricardo frequenta regularmente e o alojamento em Chaves – não são ficcionados.

CLÁUDIO ANAIA

claudioanaia@hotmail.com

Partilhe esta notícia