Conhecer e construir juntos

O ano de 2015, que agora entra na sua reta final, tem sido próspero em eventos que abalam a nossa sociedade. Nos tempos conturbados em que vivemos é porventura mais fácil – e seguro – ser protagonista à distância de um ecrã ou de um clique, do que estar ativamente a colaborar na construção de um Mundo de acordo com os ideais de cada um, investindo e trabalhando numa construção cívica que rouba tempo às nossas famílias, aos nossos amigos e às nossas atividades de lazer.

Foi esse propósito de construção que levou, este ano, alguns cidadãos de coração barreirense, como tantos outros, a constituir, colaborar e contribuir para a reflexão cívica da nossa cidade com a criação da Plataforma 2830. Numa lógica em que todos têm lugar e que para uma reflexão séria da cidade do Barreiro esta tem que ser alicerçada na diversidade de opiniões, de crenças, de ideais, de aspirações, de desejos e de vontades. Não é tarefa fácil, pois a vida é por vezes demasiado complexa a nível pessoal, familiar e profissional para dispersarmos a nossa atenção e foco para outras áreas. Contudo, o aporte que cada um tem dado, e têm sido muitas as pessoas a quererem contribuir e a fazê-lo de facto, tem tornado este trajeto rico, diversificado e multifacetado. O Barreiro tem esta riqueza e é um privilégio vê-la em ação. É muito mais que duas ou três ruas do concelho que por vezes cometemos o erro de as tomar por exemplificativas e inferir daí o todo da cidade. São isso sim todos os km2 existentes e com eles os diferentes problemas e soluções que existem em cada lugar. São as pessoas que saem cedo e chegam tarde dos seus trabalhos. São aqueles que tudo fazem para criarem ou manterem emprego na cidade, muitas vezes o seu próprio “ganha-pão” também. São os que vêm de fora para aqui trabalhar e que alimentam o nosso comércio local e os nossos serviços. São todos. Sem exceção!

Este tem sido, até agora, um trajeto feito de inúmeras horas de contacto com diferentes pessoas, diferentes problemas, diferentes propostas de resolução e diferentes abordagens do que deve ser a nossa cidade. Ouvir pessoas diferentes para construir propostas diferentes. Ouvir ângulos diferentes dos problemas de sempre. Criar sinergias entre quem já ultrapassou uma barreira e quem ainda está a encará-la. Conhecermo-nos uns aos outros é vital para construir um caminho eficiente, sustentado e que vá ao encontro das nossas aspirações. Não é fácil porque para construirmos algo coletivo todos temos que abdicar de uma parte das nossas crenças e estar disponível a sair da nossa zona de conforto. Mas é possível! E está a ser possível graças ao contributo de muita gente que de forma espontânea quer colaborar, nem que seja para trazer a sua visão de como a cidade é vista e percebida desde a sua rua, desde o seu trajeto diário para o trabalho, desde a sua porta de casa. É possível porque podemos construir algo maior do que nós, algo que sozinhos nunca conseguiríamos. É escolher ser parte integrante de algo significativo e não ser dono e senhor de nada. Preferir tentar uma construção coletiva que contribua para um Barreiro mais competitivo e atrativo, confrontando a nossa visão e as nossas aspirações para a cidade com todos, não querendo ser dono e senhor da razão em frente ao espelho e a falar com a nossa própria sombra. Sem contraditório. Por isso o objetivo não é ganhar nem perder, é evoluir. Não é ter uns contra os outros, é fomentar a construção de uns com os outros! O objetivo é o Barreiro de todos, com todos e para todos!

 

E é com este objetivo que vamos lançar neste período natalício o primeiro inquérito da Plataforma 2830 com o tema “Conhecer e construir o Barreiro juntos!”, para sistematizar e alargar a todos os que desejem participar a possibilidade de poderem contribuir para esta construção coletiva e que pretende auscultar a forma como a nossa cidade é percebida internamente, em comparação com outras e a forma como a visionamos no futuro.

 

Pedimos-lhe 5 minutos do seu tempo a realizar este inquérito em https://plataforma2830.typeform.com/to/H827SC ajudando-nos a aprofundar o conhecimento da nossa cidade com o seu contributo.

 

Festas felizes a todos,

Plataforma 2830

www.2830.pt

 

Partilhe esta notícia