O Instituto Politécnico de Setúbal (IPS) vai mais uma vez marcar presença na E-Tech, o maior evento tecnológico realizado em Portugal, que regressa já na próxima sexta-feira, dia 11 de maio, ao Cais 3 do porto de Setúbal, para dois dias de mostra de produtos e projetos, workshops e uma conferência, com organização partilhada entre a EDUGEP – Escola de Programação, Câmara Municipal de Setúbal, Associação Nacional de Professores de Informática e Associação Industrial da Península de Setúbal.

 

Nesta verdadeira montra tecnológica, que dedicará a sua terceira edição ao tema “Cidadania e Segurança Digital”, o IPS, como instituição de ensino superior de referência na área das Tecnologias de Informação, Comunicações e Eletrónica (TICE), estará representado em expositor próprio para divulgação da sua oferta formativa, propondo-se também a partilhar com os jovens e famílias presentes  as várias experiências que a Escola Superior de Tecnologia de Setúbal (ESTSetúbal/IPS) preparou para o efeito. Entre elas destacam-se o popular simulador de voo, o chamativo IPS Neon, logótipo animado do IPS, ou ainda o amplificador de áudio Blue Music, a flauta eletrónica e a garra automática.

 

Por seu turno, uma equipa da Escola Superior de Educação (ESE/IPS), que reúne cerca de 20 estudantes do curso técnico superior profissional (CTeSP) em Produção Audiovisual, ficará encarregue da cobertura do evento.

 

Dirigido ao público em geral, mas também a empresários, professores, investigadores e profissionais da área, a E-Tech contará com a presença do ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Manuel Heitor, logo na sessão de abertura, pelas 9h30 de dia 11. Segue-se, pelas 11h00, o primeiro painel da conferência “Cidadania e Segurança Digital”, focado em como “Preparar Portugal para a realidade da cibersegurança”, que terá como oradora, entre outros especialistas nacionais, a docente Rossana Santos, da ESTSetúbal/IPS, doutorada em Informática e responsável por várias unidades curriculares nas áreas da Computação Móvel, Multimédia e Segurança Informática.

 

No âmbito do vasto programa da E-Tech, onde cabem mais de duas dezenas de workshops e concursos de robótica, drones e gaming, o IPS será ainda responsável por um workshop, agendado para as 10h00 de dia 12 de maio, através do qual dará a conhecer o programa piloto Brightstart, desenvolvido em parceria com a Deloitte com uma turma do curso técnico superior profissional (CTeSP) em Tecnologias e Programação de Sistemas de Informação da ESTSetúbal/IPS, e que é exemplo de um ensino assente numa lógica de close mentoring, aliando a teoria à experiência profissional real.

 

São esperados à volta de 10 mil visitantes neste grande certame que concentra todo o mundo tecnológico na zona ribeirinha de Setúbal.