O Comando Territorial de Setúbal, através do Destacamento de Trânsito (DT) de Setúbal, na madrugada de hoje, dia 19 de maio, desenvolveu uma operação policial de fiscalização rodoviária, com o intuito de prevenir a realização de corridas ilegais na Ponte Vasco da Gama.

No decorrer da ação foram intercetados e fiscalizados dois motociclos, obtendo-se os seguintes resultados:

·         Dois veículos apreendidos por suspeitas de falsificação de matrícula e por possuir alterações às características construtivas;

·         Dez autos de contraordenação por diversas infrações às regras do Código da Estrada, nomeadamente:

o   Duas por transformação de veículos com características não averbadas no Documento Único Automóvel;

o   Duas relativamente à posição de marcha em circulação;

o   Duas por paragem na faixa de rodagem de autoestrada;

o   Duas por sinalização e iluminação incorreta;

o   Duas por velocidade excessiva para as condições da via.

Os condutores, de 33 e 36 anos, foram constituídos arguidos e os factos remetidos para o Tribunal Judicial do Montijo.

Esta ação decorreu com o reforço do Destacamento Territorial do Montijo e da estrutura de Investigação Criminal (IC) do Comando Territorial de Setúbal.

A GNR procura prevenir e reprimir este fenómenos que, não só põem em causa o direito de circulação dos cidadãos, como atentam contra a segurança rodoviária de todos quantos utilizam a via pública, não só na Ponte Vasco da Gama mas em todas as vias à sua responsabilidade.