O presidente e o vice-presidente da Câmara Municipal de Sines, Nuno Mascarenhas e Fernando Ramos, representaram o município numa visita de cerca de 20 agentes de desenvolvimento alentejanos à Comissão Europeia, em Bruxelas. A visita decorreu entre 11 e 13 de novembro e foi organizada pela ADRAL – Agência de Desenvolvimento Regional do Alentejo / Centro de Informação Europe Direct Alentejo Central e Litoral.

Em Bruxelas, os elementos da comitiva encontraram-se com eurodeputados portugueses no Parlamento Europeu e com técnicos da Comissão Europeia. Durante a visita, assistiram a apresentações sobre a arquitetura institucional da Comissão Europeia (Margarida Marques – Direção-Geral de Comunicação), a política de investigação e inovação europeia (Maria da Graça Carvalho – Gabinete do Comissário Carlos Moedas), o desenvolvimento sustentável (Humberto Rosa – Direção-Geral da Ação Climática), a política energética da União Europeia (Ivo Schmidt – Direção-Geral da Energia) e os fundos estruturais e política de coesão (Mário Rodrigues – Direção-Geral da Política Regional).

O presidente da Câmara de Sines fez um balanço positivo da visita, realçando a sua importância para estabelecer contactos para o futuro.

“Entre outros assuntos, tivemos oportunidade de sensibilizar os eurodeputados sobre questões como o complexo industrial de Sines e em particular sobre os maus cheiros e o apoio que as instâncias europeias poderão dar na resolução deste problema. Foram igualmente colocadas questões sobre a política de pescas, nomeadamente sobre as quotas atribuídas a Portugal”, disse Nuno Mascarenhas.

Além do presidente e vice-presidente da Câmara de Sines, participaram na visita os presidentes das Câmaras Municipais de Montemor-o-Novo, Odemira, Redondo, Santiago do Cacém e Vendas Novas, vereadores das Câmaras de Alcácer do Sal e Grândola e representantes da Universidade de Évora, de várias associações de desenvolvimento regional e de órgãos de comunicação alentejanos.

Partilhe esta notícia