No passado dia 20 de Abril o PSD Seixal levou à Assembleia de Freguesia da União de Freguesias Seixal, Arrentela e Paio Pires a moção “cantinas escolares”.

A moção apresentada pelo PSD Seixal apresentou a problemática dos refeitórios escolares visto que recentemente foi dado a conhecer à Câmara Municipal do Seixal a dificuldade que várias entidades estão a encontrar em relação ao fornecimento de refeições durante a interrupção lectiva de Verão, nomeadamente no mês de Julho e durante a primeira quinzena de Setembro.

A moção apresentada pelo autarca eleito –  João Prelhaz –  contemplava o apelo ao executivo da Junta de Freguesia para que desse uma resposta favorável ao pedido da Componente de Apoio à Família e Actividades de Animação e Apoio à Família ou que intercedesse junto das entidades competentes para a rápida resolução deste problema.

Apelou também o autarca à Câmara Municipal de Seixal para que esta temática fosse resolvida na maior brevidade possível em todas as escolas do Concelho com o mesmo problema.

Por último, a moção apresentada deixava uma recomendação à Câmara Municipal de Seixal no sentido de planear com os agrupamentos escolares do Concelho a execução desta acção social por forma a assegurar uma adequada gestão de recursos.

Perante a moção apresentada e expostos os argumentos e preocupações, o executivo da CDU na Junta de Freguesia da União de Freguesias optou por suavizar o problema chegando mesmo a negar a sua existência.

Durante a troca de argumentos em Assembleia, Presidente da Junta de Freguesia e restantes elementos do executivo no decorrer das suas intervenções afirmaram que o problema era do agrupamento e que o autarca não tinha razão.

Acrescenta ainda o autarca que “para além de reprovarem a moção, preferiram discutir as siglas e tentar descredibilizar o conteúdo da moção. O que era realmente importante, e que várias vezes referi, que era o almoço das crianças não mereceu mais que o vergonhoso desprezo da CDU.”

Partilhe esta notícia