A Polícia de Segurança Pública (PSP) deu por terminada a Operação Páscoa em Segurança 2014, que decorreu de segunda-feira, dia 14 de abril, a domingo, dia 20 de abril de 2014, com um balanço final “muito positivo” onde registou uma diminuição significativa da sinistralidade rodoviária.

“Quanto à sinistralidade rodoviária, tendo em conta o balanço geral da atividade dos Comandos da PSP a nível nacional, temos a registar números francamente positivos: zero vítimas mortais (menos duas que em 2013), 11 feridos graves (menos 4 que em 2013), 228 feridos leves (menos 27 que em 2013), perfazendo um total de 810 acidentes (menos 120 que o ano passado, sensivelmente).

No que toca à detenções e apreensões a PSP esclareceu, através de comunicado, que foram efetuadas 279 detenções e diversas apreensões.

”Quanto a detenções registamos 279, das quais destacamos 17 por furto, 12 por posse de arma ilegal, 35 por mandado de detenção, 22 por tráfico de estupefacientes e 112 por condução com excesso de álcool. Mais de 33 mil viaturas fiscalizadas e mais de 6700 condutores testados. 111 autos de vária ordem levantados a estabelecimentos por diversas irregularidades.

Quanto a apreensões, destacamos 25 viaturas, 11 armas (das quais 3 de fogo) e mais de 11.500 doses de produto estupefaciente”.

A terminar, a PSP referiu que os objetivos traçados para esta operação foram “plenamente alcançados”.

“Comprometemo-nos inicialmente com 3 eixos fundamentais, que foram plenamente alcançados: a diminuição da sinistralidade rodoviária, o aumento da visibilidade em Zonas de Concentração de Pessoas e o Aumento da pro atividade policial através de ações de sensibilização e ações de prevenção da criminalidade”.

Partilhe esta notícia